terça-feira, 8 de julho de 2014

JIBOIA CAI SOBRE CARRO ESTACIONADO E ASSUSTA MOTORISTA NA VISTA CHINESA.


Visitante relatou que o teto de seu veículo ficou completamente danificado

BIANCA LOBIANCO
Rio - A primeira visita ao Parque Nacional da Tijuca tornou-se traumática para Gabriel Figueiredo. O visitante de 20 anos, que é morador da cidade do Rio, foi com os amigos para a Vista Chinesa e deixou o carro estacionado. No entanto, o inesperado aconteceu: uma jiboia caiu de uma altura de aproximadamente 20 metros em cima do teto de seu veículo.
Homem teve que esperar por 1h para retirada do animal, que se escondeu embaixo do carro
Foto:  Leitor Gabriel Figueiredo
"Eu estava fora do carro, graças a Deus! Levei um susto muito grande", relatou o jovem, que estava com mais quatro pessoas no ponto turístico.
"Na hora que a cobra caiu, fez um barulho bem alto e uma multidão se formou ao redor do carro. Quando cheguei ao local, a cobra estava embaixo do meu veículo e o teto estava todo acabado. O policial que estava lá não isolou a área", disse ele. O acidente ocorreu por volta das 17h de domingo.
Passado o susto, o técnico de informática ainda teve que esperar cerca de uma hora para a retirada do animal. Normalmente uma jiboia mede até 4,5 metros e pesa 40 quilos. 
Após ser avaliada pelo Grupamento de Defesa Ambiental, a jiboia foi reconduzida ao seu habitat. De acordo com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, o animal deve ser avaliado por uma equipe e caso esteja machucado, a recomendação é que seja levado ao Centro de Recuperação de Animais Silvestres (CRAS).

BRASIL DEFENDE HEGEMONIA DE QUASE 40 ANOS PARA VOLTAR A UMA FINAL DE COPA DO MUNDO.


Última derrota da seleção em território brasileiro num jogo oficial foi em 1975 para o Peru pela Copa América

IG/cbm
Minas Gerais - O Brasil tem uma longa hegemonia para defender contra a Alemanha nesta terça-feira no Mineirão pela semifinal da Copa do Mundo. Há 39 anos a seleção nacional não conhece uma derrota em partidas oficiais atuando em seu território. O último revés aconteceu em 1975 pela Copa América no mesmo estádio em que a equipe de Luiz Felipe Scolari recebe os alemães.
O Mineirão foi o palco do duelo de ida contra o Peru pela competição continental em 30 de setembro de 1975. E perdeu por 3 a 1. Ainda que tenha vencido a volta por 2 a 0, acabou eliminado no sorteio. O Peru foi à final contra a Colômbia e ficou com o título. De lá para cá o Brasil jogou partidas de eliminatórias, da Copa América de 1989 e da Copa das Confederações de 2013 e não perdeu mais.
Palhinha em lance da última derrota da seleção em partida oficial em território brasileiro
Foto:  Divulgação
LEIA MAIS: Notícias e bastidores da seleção brasileira na Copa do Mundo

Para o técnico da Alemanha, Joachim Löw, o fato de o Brasil ser mandante é muito favorável a ele no jogo desta terça. Ele ignora o retrospecto, contudo. “É um grande desafio ser país sede, existe uma responsabilidade maios, mas o Brasil vai ter toda a torcida o apoiando o tempo todo, gritando a cada segundo que chegarem perto do nosso gol e isso é motivante. Sentimos isso na Copa de 2006 e sabemos como é”, disse Löw, lembrando do Mundial em que a Alemanha foi sede.

O COMÉRCIO DE CAMOCIM-CE PEDE SOCORRO!



Tenho plena convicção de que a crítica aos políticos, a seus comportamentos e ações deve ser dura, incisiva, mas ao tratarmos de assuntos que se revestem da maior seriedade e que envolvem toda a comunidade não podemos ser irresponsáveis e fazer a crítica pela crítica, de modo politiqueiro que possa beirar a mesquinharia sectária.

No próximo mês de agosto faremos sete anos de trabalho dedicado a prestação de serviços, junto a empresas locais e região, na área de assessoria contábil, fiscal, recursos humanos e de plano de negócios. Nesse tempo podemos testemunhar a evolução do comércio de Camocim. Podemos atestar, considerando o número de abertura de novos negócios, bem como o crescimento do faturamento destes, que o comércio vinha em curva ascendente até início do ano de 2013.

Sabemos que o País não atravessa um bom momento em sua economia com alta dos índices inflacionários, baixo crescimento econômico, queda das exportações, alta de juros, dentre outros componentes da macroeconomia que impactam diretamente, de forma negativa, no nosso cotidiano, isso sem falar nos números mascarados acerca do nível de empregos, e suas relações com a população economicamente ativa.

A verdade é que a economia de Camocim está parando. Falo isso com propriedade, aceito contestações, mas saibam que tenho argumentos fortes para sustentar o que estou a afirmar. Já no início desta semana fui comunicado por um empresário da cidade que nos revelou em tom de desespero da sua intenção de vender seu negócio em função da queda absurda em suas vendas, e que há vários meses trabalha no vermelho, e que não está disposto a esperar para ver os resultados negativos comprometerem seu patrimônio. Em tempo, este empresário, do ramo de produtos alimentícios, está estabelecido em prédio próprio, trabalha com a família e tem baixo nível de endividamento. A situação se torna temerária, porque não dizer gravíssima quando comprovamos que este nosso cliente não é um “privilegiado solitário”. Um escritório de assessoria contábil trabalha com empresas que desenvolvem os mais diversos tipos de atividade econômica. Hoje, surpreendentemente, fui procurado por mais dois empresários, estes, coincidentemente, do ramo de autopeças, me fizeram a mesma revelação. Estes empresários sempre tiveram um bom estoque de mercadorias, e, também, um baixo nível de endividamento, mas que estão dispostos a venderem seus negócios, a se desfazerem de suas empresas, com prédio próprio, bom nível de estoques, fundo de comércio e tudo o mais, para evitar o pior, ou seja, chegar a um estado futuro de insolvência total. A queda nas vendas do comércio é um indicador imediato de que a economia de Camocim não vai bem. Desde o ano passado os empresários vêm reclamando da queda em seus faturamentos, fato que testemunhamos mês após mês. No mês de maio e já agora no mês de junho o número de dispensa de empregados formais foi o maior em doze meses. A situação é apavorante, pois todos sabem que as empresas têm seus custos fixos, e as vendas devem cobrir estes, alcançando tecnicamente o que se chama de ponto de equilíbrio, e somente partir daí é que se vislumbram resultados líquidos positivos.

Como afirmamos, não podemos ser irresponsáveis ao tratar de assunto tão delicado, e culpar somente a Gestora Municipal pela grave situação vivida pelos empresários camocinenses, mas é fundamental que a Prefeitura Municipal de Camocim, através de seus agentes, inicie rápido um diagnóstico sobre as quantas anda o comércio camocinense, e não venham dizer que isso é um problema da economia brasileira que não atravessa um bom momento, e, ainda, que todas as cidades estão atravessando a mesma crise. Esses argumentos são inaceitáveis, pois todos nós temos que fazer a nossa parte, cada município procure suas soluções. O primeiro fomentador da economia é o poder público, e este tem que tomar as medidas necessárias e urgentes que o problema requer.

E nessa batuta sugerimos que a Prefeita dê o pontapé inicial para uma grande mobilização juntamente com toda sociedade, principalmente com as organizações da sociedade civil ligadas ao comércio (CDL, Associação Comercial, Associação dos Microempresários, Sindicatos ligados ao comércio – comerciários e hoteleiros), envolvendo todas as secretarias municipais ligadas à área (Desenvolvimento Sustentável, Turismo, etc.), para um amplo debate para que sejam encontradas formas concretas, objetivas, com ações e plano estratégico que venham a soerguer o comércio local. O SEBRAE tem um potencial enorme para colaborar com essa iniciativa.

CARLOS ALBERTO TEIXEIRA DOS SANTOS(O CARLÃO).É MAIS UM CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL EM CAMOCIM-CE.


O presidente Municipal do PMN em Camocim, Carlos Alberto Teixeira dos Santos, o Carlão, confirmou na tarde de ontem, no TRE, sua candidatura a deputado estadual. Ele fará dobradinha em Camocim e região com  Reginaldo Moreira, candidato a deputado federal e atual presidente estadual da sigla. 

Em maio deste ano, sob a organização de Carlão, o PMN realizou um encontro de articulação em Camocim, visando traçar metas de ações para o fortalecimento do partido. 

A candidatura de Carlão foi bastante cogitada nos bastidores da politica local, principalmente depois de seu rompimento com o grupo do deputado Sérgio Aguiar, após ter sido exonerado sem explicações do cargo público que assumia na SMDS. 

FIM DO MUNDO! VEREADOR FALTA A SESSÃO PARA IR A PROSTÍBULO COM O IRMÃO.


Bastou um clique indiscreto, alguém para compartilhar a foto por meio do celular e os vereadores Marcelo Oliveira (PMDB), 31 anos, e Thiego Holosbach (DEM), 27 anos, de Antônio João, município a 279 quilômetros de Campo Grande, se transformaram no assunto da semana na cidade. 
A imagem mostra o vereador Marcelo e o irmão do vereador Thiego, Thiago Holosbach, ao lado de uma mulher seminua, vestida com uma camiseta verde-amarela, no que sugere ser uma noitada típica de torcedores desta Copa do Mundo, após o jogo entre França e Nigéria, que os três foram assistir em Brasília (DF), na última segunda-feira. Outro fato, os vereadores têm faltado às sessões na Câmara. 

Embora não tenha saído na foto, o vereador Thiego virou assunto porque também estava na viagem, segundo a reportagem apurou. Houve até quem espalhasse que era ele na imagem. O registro fotográfico foi compartilhado por alguém que esteve no cenário, via WhattsApp, foi passando de celular para celular e ganhou as redes sociais.