sábado, 30 de agosto de 2014

A SANTA MISSA DESTE DOMINGO DIA 31 DE AGOSTO DE 2014.

 São Raimundo Nonato, modelo de santidade
Hoje, celebramos a vida do santo que se tornou modelo para todo vocacionado à santidade e ao resgate das almas. Por ter encontrado dificuldades para vir à luz, é invocado como patrono e protetor das parturientes e das parteiras (seu nome significa “não nascido” porque foi extraído vivo das entranhas da mãe já morta).
São Raimundo Nonato nasceu na Espanha, em Portel, na diocese de Solsona (próximo a Barcelona) no ano de 1200. Ainda menino, teve de guardar o gado e, durante seus anos de pastor, visitava constantemente uma ermida de São Nicolau, onde se venerava uma imagem de Nossa Senhora de quem era devotíssimo.
Conta-se que, durante as horas que passava aos pés de Maria, um anjo lhe guardava o rebanho. Desde jovem, Raimundo Nonato percebeu sua inclinação à vida religiosa. Seu pai buscou, sem êxito, impedi-lo de corresponder ao chamado vocacional. Ao entrar para a Ordem de Nossa Senhora das Mercês, pôde receber do fundador: São Pedro Nolasco, o hábito. Assim, tornou-se exemplo de ardor na missão de resgatar das mãos dos mouros, os cristãos feito escravos.
Certa vez, São Raimundo conseguiu liderar uma missão que libertou 150 cristãos, porém, quando na Argélia acabaram-se os recursos para o salvamento daqueles que corriam o risco de perderem a vida e a fé, o Missionário e Sacerdote Raimundo, entregou-se no lugar de um dos cristãos. Na prisão, Raimundo pregava para os muçulmanos e cristãos, com tanta Unção que começou a convertê-los e desse modo sofreu muito, pois chegaram ao extremo de perfurarem os seus lábios com um ferro quente, fechando-os com um cadeado. Foi mais tarde libertado da prisão e retornou à Espanha.
São Raimundo Nonato, morreu em Cardona no ano de 1240 gravemente doente. Não aguentou atingir Roma onde o Papa Gregório IX queria São Raimundo como Cardeal e conselheiro. O seu corpo foi descansar na mesma ermida de São Nicolau em que orava nos seus anos de pastor.
São Raimundo Nonato, rogai por nós!

O HOMEM VAI À MARTE?

Viagens tripuladas ao planeta vermelho só devem ocorrer na década de 2030

Nasa lançará primeiro foguete capaz de voar a Marte em 2018 Reprodução/Reprodução
Foto: Reprodução / Reprodução
A Agência Espacial dos Estados Unidos (Nasa) anunciou nesta quarta-feira que pretende lançar, pela primeira vez, um poderoso foguete conhecido como Space Launch System (SLS) para viagens ao espaço profundo, no mais tardar no fim de 2018.

O SLS está em desenvolvimento há três anos e, quando estiver concluído, deverá ser capaz de impulsionar naves para além da órbita terrestre e, eventualmente, lançar veículos tripulados para Marte em 2030.

A Nasa completou a revisão do projeto, o que representa um compromisso formal da agência para esta versão de 70 toneladas métricas do SLS, que custará 7,021 bilhões de dólares entre 2014 e 2018.

— O programa está virando realidade, o que significa progresso — disse William Gerstenmaier, administrador associado de Explorações Humanas e da Diretoria de Operações de Missões da Nasa.

— Manteremos as equipes trabalhando para uma data mais ambiciosa para deixá-lo pronto, o que deve acontecer até novembro de 2018 — acrescentou.

AUDIÊNCIA DISCUTIRÁ IMPACTO EM MUNICÍPIOS DE PROJETO SOBRE RENÚNCIA DE ISS.

Rodolfo Stuckert/Câmara dos Deputados

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio da Câmara dos Deputados marcou audiência pública para a próxima terça-feira (2), às 20 horas, para discutir o Projeto de Lei Complementar (PLP) 366/13, que proíbe os municípios e o Distrito Federal de conceder benefícios com renúncia do Imposto sobre Serviços (ISS) abaixo da alíquota mínima de 2%, o que passa a ser considerado ato de improbidade administrativa; e amplia a lista de serviços tributáveis pelo ISS.

O relator da proposta, deputado Guilherme Campos (PSD-SP), lembra que será a terceira audiência para tratar do projeto já aprovado pelo Senado. "A nossa pretensão, no relatório, é tirar da zona cinzenta aquelas atividades em que hoje existem muitas dúvidas se são enquadradas no ICMS ou no ISS."

AFINAL,FOI A COPA DO MUNDO QUE DERRUBOU A ECONOMIA?.

Da BBC Brasil em São Paulo/CBM


Moeda (Foto Thinkstock)
Investimentos, produçãod a indústria e gastos do governo caíram
Nos últimos quatro anos, o governo se esforçou em convencer os brasileiros que a Copa do Mundo ajudaria a impulsionar a economia, criando empregos, multiplicando os investimentos e atraindo um grande contingente de turistas para o país.
"O Mundial é uma oportunidade histórica para promovermos desenvolvimento socioeconômico no âmbito local e nacional", disse, por exemplo, Joel Benin, assessor para Grandes Eventos do Ministério dos Esportes, no início do ano. "Ele gerará 3,6 milhões de empregos, movimentará bilhões e deixará um legado importante na área econômica."
Passado o evento, porém, consultorias econômicas, como a Tendências e a Capital Economics, fizeram seus cálculos e concluíram que o seu efeito geral sobre o PIB foi nulo ou insignificante. Mas poucas esperavam um impacto negativo.
A divulgação dos resultados para o PIB confirmou que, como os analistas esperavam, o Brasil entrou em "recessão técnica" no primeiro semestre de 2014 - situação caracterizada por dois trimestres seguidos de crescimento negativo.
Segundo dados do IBGE, o PIB do último trimestre recuou -0,6% na comparação com o trimestre anterior e -0,9% em relação ao mesmo período do ano passado.
Também houve uma revisão para baixo do resultado do primeiro trimestre, de um crescimento de 0,2% para uma queda de 0,2%.
Entre os fatores que puxaram o PIB para baixo estão a queda de 5,4% nos investimentos neste trimestre e a redução de 1,5% na produção da indústria. Também houve uma queda de 0,5% nos serviços e 0,7% nos gastos do governo.
Nesta sexta-feira, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, voltou a culpar a Copa do Mundo – e redução de dias úteis por causa do torneio – pelo baixo desempenho da economia. Mantega também citou o cenário internacional adverso e a seca como motivos para a redução do PIB no 2º trimestre.
Ele, entretanto, negou que o Brasil tenha entrada em recessão.
"Não dá para dizer [que o país esteja em recessão] (...) Não se deve falar em recessão no Brasil pois, para mim, recessão é quando se tem uma parada prolongada, de vários meses. Aqui estamos falando de um, no máximo dois [trimestres]. E recessão é quando se tem desemprego. O emprego continua crescendo e a massa salarial também. Não dá para dizer que a economia está parada. O mercado consumidor não está encolhendo", afirmou Mantega.
Mantega também atribuiu a desaceleração da atividade econômica ao aumento dos juros pelo Banco Central.
Mas a Copa foi a culpada pela queda do PIB no período? Se há consenso de que temos um problema no que diz respeito ao crescimento, o diagnóstico de suas causas está longe de ser uma unanimidade.
Além do Mundial, o governo também culpa o cenário externo desfavorável pela recessão.
Para analistas consultados pela BBC Brasil, as causas do desaquecimento são internas e a Copa até pode ter contribuído um pouco para a queda do PIB no primeiro trimestre ao paralisar alguns setores do comércio e serviços e ajudar a frear a indústria, mas definitivamente não está entre as principais causas da recessão.

'MANÍACO DA MOTO'É SUSPEITO DE ESTUPRAR NOVE MULHERES EM FORTALEZA-CE.

Na quinta-feira, sete mulheres reconheceram suspeito como estuprador.

Em depoimento, suspeito diz que é confundido com o irmão; polícia nega.

Do G1 CE/CBM
Duas pessoas afirmaram nesta sexta-feira (29) terem sido vítimas do “maníaco da moto”, como ficou conhecido o autor de estupros em séries nos Bairros Parangaba, Maraponga e Vila Peri, na periferia de Fortaleza. Antônio Cláudio Barbosa é agora apontado pelo estupro de nove pessoas com idades entre 11 e 24 anos.
“Já tínhamos sete boletins de ocorrência contra ele. Com a repercussão, outras duas vieram prestar depoimento contra ele e dizem ter certeza de que é o mesmo estuprador. É possível que outras mulheres apareçam ao longo das investigações”, diz o delegado Renê Barreira.
A mãe de uma das vítimas afirmou ao delegado que a filha havia sido estuprada em 2013, e havia sido abordada da mesma forma que as demais vítimas alegaram em depoimento. Segundo a Polícia Civil, o “maníaco da moto” dirigia em uma motocicleta vermelha e ameaçava mulheres com uma faca; em seguida as levava a um local ermo. Em alguns casos, segundo o delegado, o estupro ocorria no meio de ruas pouco movimentadas.