sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

MULHER DÁ À LUZ BEBÊ COM MAIS DE 6 KG,NOS EUA.

divulgacao

Uma mulher do Colorado, nos Estados Unidos, deu à luz um bebê com 6,26 kg esta semana.
Mia Yasmin Garcia nasceu após uma cesariana na cidade de Alamosa, na última segunda-feira (1º).
Segundo a imprensa local, a menina foi levada de helicóptero para um hospital da região de Denver porque apresentou dificuldades para respirar e baixos níveis de glicose no sangue após nascer.
A mãe de Mia, Alisha Hernandez, esperava ter um bebê de cerca de 3 kg. O pai da criança, Francisco Garcia, disse que o tamanho da recém-nascida chocou a todos os presentes, incluindo os funcionários do hospital.
O casal já tem outras quatro filhas.

GOVERNO LANÇA PORTAL PARA RESGATAR MEMÓRIA DA DITADURA

BRASIL DITADURA

 EFE | BRASÍLIA



O governo lançou nesta sexta-feira um portal na internet sobre a ditadura militar (1964-1985) e dos grupos que opuseram resistência, como forma de resgatar a memória de um período sobre o qual ainda existem alguns vazios.
O site "Memórias da Ditadura", destinado a divulgar a história do Brasil nos 21 anos que os militares governaram o país e a oferecer material de suporte a professores, é uma iniciativa da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência e da ONG Instituto Vladimir Herzog.
"Memórias da Ditadura" irá divulgar a história do Brasil nos em que os militares comandaram o país e a oferecer material de suporte EFE/Arquivo
"Memórias da Ditadura" irá divulgar a história do Brasil nos em que os militares comandaram o país e a oferecer material de suporte EFE/Arquivo
A página conta com documentários e vários conteúdos multimídia e interativos com o objetivo de atrair os estudantes e o público mais jovem, que tem menos referências sobre um período marcado pela tortura, censura, repressão, fechamento do Congresso e por outras restrições à democracia.
"A preservação da memória do país é fundamental devido a que a democracia começa a ser construída a partir da educação", afirmou o ministro da Educação, José Henrique Paim, na cerimônia de apresentação do portal.
O lançamento acontece no mesmo ano em que se lembrou o cinquentenário do golpe militar de abril de 1964 e a cinco dias da divulgação do relatório final da Comissão Nacional da Verdade, criada para investigar as violações dos direitos humanos ocorridas durante a ditadura.
Segundo a Presidência, o portal, que também conta com a colaboração do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), é o maior arquivo virtual existente no país sobre a última ditadura.

PROIBIÇÃO DE EVENTOS COM POLUIÇÃO SONORA EM JERICOACOARA-CE TEM AVAL DO MP.

Órgão considerou que os festejos realizados na praia promovem a poluição do lugar e a perturbação do sossego alheio, além da falta de segurança
na foto, as dunas de Jeri, atração turística do município de Jijoca de Jericoacoara
O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) deu parecer favorável, nesta sexta-feira, 5, àproibição de eventos que promovam poluição sonora em Jijoca deJericoacoara, 294,9 km de Fortaleza. A medida, que atende ação movida pela Associação das Pousadas de Jericoacoara (Apjeri) contra a Associação de Vendedores Ambulantes de Bebidas e Lanches de Jericoacoara, faz alusão, principalmente, a Festa da Praia Principal da Vila de Jeri. 
A Aperj defendeu que as festas na praia promovem ruídos excessivos, trazendo transtornos aos moradores e hóspedes das pousadas, com poluição da praia e até riscos de segurança. Francisco das Chagas de Vasconcelos Neto, promotor de Justiça, considerou que a associação dos ambulantes promove festejos “à revelia do Poder Público”. 

Para o órgão, não há medidas que justifiquem os danos suportados pela população, pois o poder público não se adequa à demanda exigida por tal evento, quanto à segurança e à coleta de lixo – deficitária na Vila. “Fica prejudicada a segurança pública, pois nem o poder público possui efetivo para destinar força policial suficiente apenas para a festa, nem o empreendedor contrata segurança privada”, detalhou.

MÃE CONFESSA DE TER MATADO AS FILHAS EM ITAQUAQUECETUBA-SP,SEGUNDO A POLÍCIA.

Mulher tentou se matar várias vezes depois dos crimes, diz polícia.

Irmãs tinham 5 anos e 5 meses e foram encontradas na cozinha de casa.

Do G1 Mogi das Cruzes e Suzano
Criança morta em Itaquaquecetuba (Foto: Jéssica dos Santos Andrade/ arquivo pessoal)Criança morta em Itaquaquecetuba(Foto: Jéssica
dos Santos Andrade/Arquivo Pessoal)
Uma mulher foi presa na manhã desta sexta-feira (5) por suspeita de ter matado as duas filhas estranguladas em Itaquaquecetuba. Segundo a polícia, a dona de casa de 33 anos confessou os crimes. Ela tentou se matar, mas não conseguiu, ainda de acordo com o delegado Deodato Rodrigues Leite, responsável pelo caso.
As duas irmãs, de 5 anos e de 5 meses, foram encontradas mortas no fim da tarde de quinta-feira (4) na casa onde viviam, no Jardim Scafid II. "Nós a interrogamos e ela acabou confessando que matou as duas meninas na manhã de ontem por estrangulamento. Ela retratou com clareza o que aconteceu. Matou primeiro a mais nova, tirou do berço, colocou na cama e estrangulou. Foi, pegou a outra e também estrangulou. O objetivo dela era colocar as duas na cozinha, abrir o gás e morrer também por asfixia. Não conseguiu. Ela foi até o banheiro, se esfaqueou, mas não conseguiu", detalha o delegado.
 De acordo com a polícia, depois dos crimes e das tentativas frustradas de suicídio, a mulher trancou a casa e saiu. "Foi embora, primeiro para Arujá e depois para Guarulhos. Aí se jogou contra o taxi". Segundo Leite, ela foi socorrida e levada ao Hospital Geral de Guarulhos, onde foi presa e está sob escolta.
De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, o estado dela é estável.
Durante o interrogatório, a mãe não explicou o motivo dos crimes, mas disse que não foi a primeira vez, de acordo com o delegado. "Já tentou uma outra vez quando estava grávida do segundo bebê. Ela tentou contra a vida da mais velha", diz o delegado. "Não senti emoção, arrependimento. Total apatia, frieza e não era a primeira vez. É o que mais choca", continua.
De acordo com Leite, a mulher vai responder por duplo homicídio. "Assumiu o que fez. Testemunhas presenciaram ela saindo da cena do crime, a casa estava trancada, o local foi periciado. Existem provas contundentes, além da confissão."

HOSPITAL É PIONEIRO EM TRATAMENTOS OFTALMOLÓGICOS NO CEARÁ.


CENTRO-SUL
fonte:dr/cbm

A demanda cresce e, aos poucos, não é mais tão difícil encontrar opções de tratamentos avançados no Interior

Image-0-Artigo-1754547-1
Há onze anos a unidade foi implantada e atende clientes de mais de dez municípios da região e de outras áreas do Estado
FOTO: HONÓRIO BARBOSA
Iguatu A demanda por serviços de oftalmologia cresceu na última década no Estado. No Interior do Ceará, há três polos que realizam exames complexos e cirurgias: Cariri (Juazeiro do Norte); Centro-Sul (Iguatu) e Zona Norte (Sobral). Maior divulgação sobre educação em saúde e a melhoria de renda das famílias contribuíram para o crescimento da procura por consultas e procedimentos oftalmológicos.
Nesta cidade, na região Centro-Sul, o Hospital de Olhos Dr. Renê Barreira é pioneiro na oferta de exames avançados e de cirurgias de cataratas, glaucomas e pterígio. Há onze anos a unidade foi implantada e atende clientes de mais de dez municípios da região e de outras áreas do Estado (Vale do Jaguaribe, parte dos Inhamuns e do Vale do Salgado). Investimentos em cursos e aquisição de modernos equipamentos asseguram elevada taxa de resolubilidade.
É pioneiro no Interior a realizar exame de Tomografia de Coerência Ótica (OCT), que permite um diagnóstico avançado de doença da retina e glaucoma, evitando uso de contraste. Fornece imagens em três dimensões (3 D). O Hospital dispõe do mais moderno e atualizado aparelho de biometria IOL Máster. É considerado o aparelho mais preciso para se calcular o grau das lentes intraoculares para a cirurgia de catarata.

PRIMEIRO CASO DE FEBRE DO NILO NO BRASIL DEVE SER CONFIRMADO NA PRÓXIMA SEMANA.


SEMELHANTE A DENGUE
Agência Brasil | CBM

Agricultor do interior do Piauí teria contraído a doença em outubro; Dois exames foram feitos e serão divulgados pelo Ministério da Saúde

Vacinação
O Ministério da Saúde e a Vigilância Epidemiológica do Piauí estão concluindo a investigaçãodo que pode ser o primeiro caso de febre do Nilo no Brasil. Exames iniciais, feitos em outubro, indicaram que um agricultor de 52 anos, do município de Aroeiras do Itaim, no Piauí, tem o vírus, e os órgãos de Saúde estão recolhendo material de animais, na região, para avaliar a situação.
 
De acordo com o neurologista Marcelo Adriano Vieira, do Instituto de Doenças Tropicais Natan Portela, de Teresina, o caso ainda é considerado provável, pois protocolos internacionais indicam que devem ser feitos dois exames. Por isso, aguardam o resultado do segundo exame, feito pelo Instituto Evandro Chagas, no Pará, que será divulgado na próxima segunda-feira (8), pelo Ministério da Saúde.
 
Segundo Vieira, provavelmente um mosquito foi infectado ao picar algum pássaro silvestre vindo de regiões endêmicas da África ou Ásia Ocidental. As aves migratórias, que de tempos em tempos, trocam o frio do Hemisfério Norte pelo calor do Hemisfério Sul, são o principal reservatório do vírus identificado em Uganda, em 1937, que causa febre, dor de cabeça e, eventualmente, até problemas neurológicos.

COM PROTESTO DE HEITOR, ASSEMBLEIA DO CEARÁ, APROVA REDUÇÃO DE PENA PARA PRESOS QUE LEREM

A Assembleia Legislativa aprovou ontem, dia 04, projeto que prevê a remissão da pena de presos que lerem obras literárias. Pela norma, serão reduzidos quatro
dias da pena por cada leitura, chegando ao máximo de 48 dias por ano. Sessão que votou a lei foi marcada por intensa discussão entre deputados da base aliada e Heitor Férrer (PDT), que foi contra a proposta.

Apenas Heitor e Danniel Oliveira (PMDB) foram contra a ação. Em sua fala, Heitor Férrer afirmou que a lei penal brasileira já é “frouxa demais”, e criticou a redução de penas estipuladas em júri popular – sobretudo para crimes graves. O pedetista afirmou ainda que a proposta não é construtiva pois, segundo ele, os presos não estariam lendo os livros buscando a ressocialização, e sim apenas ficar menos tempo na prisão. 

CONSTRUÇÃO DO POSTO DE SAÚDE DO BAIRRO SÃO PEDRO EM CAMOCIM CEARÁ, AGORA SEM PLACA, CONTINUA PARALISADA.

Prazo para conclusão é dia 13 de dezembro










As obras de construção da Unidade de Saúde do Bairro São Pedro continuam, inexplicavelmente, paralisadas. No dia 30 de outubro AQUI começamos a noticiar o caso que, para além da paralisação, mantém  informações evasivas em sua placa de construção. Agora até a placa foi retirada. As informações que eram poucas, agora não existem de forma alguma. (foto acima)

Sobre a paralisação da construção, o secretário da Infraestrutura, através da Ouvidoria da Prefeitura,  no dia 13 de novembro, informou AQUI o seguinte:  

"Sobre a construção da UBASF São Pedro, informamos que a espera de material pela construtora fez com que houvesse uma pausa na execução, mas que estariam retomando os serviços na próxima semana "

A "próxima semana" do Secretário se passou e o mês de novembro também. Conta-se 23( vinte e três) dias da informação que ele (secretário)  repassou ao blog. Por tanto, fica difícil acreditar que o problema seja somente "a espera de material pela construtora".