domingo, 19 de fevereiro de 2012

MARCIANO,EX-ICASA,PASSA NO EXAME DA OAB E DIZ QUE QUER SEGUIR CARRIRA.

'Eu tinha na minha cabeça que ia passar', diz o atleta. Jogador cogita se aposentar mais cedo, caso passe em concurso para delegado federal

Por Luana Andrade Fortaleza, CE
O atacante Marciano, ex-Icasa e atualmente no Remo, realizou um feito importante em sua carreira de estudante. O jogador de futebol, e também formado em Direito pela Universidade Regional do Cariri (URCA), conseguiu passar no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em sua primeira tentativa. O jogador se formou em junho do ano passado e se enche de orgulho por passar de primeira vez no exame.
- Foi muito bom conquistar mais essa vitória. Principalmente sabendo que o exame da Ordem é muito difícil. Eu tinha na cabeça que ia conseguir passar na primeira vez. Eu sabia que era difícil, principalmente por eu não ser estudante profissional. Foi muito importante para mim - conta Marciano.
A alegria de mais uma conquista também foi celebrada pela família do atleta.
- Eles ficaram muito felizes, mais do que eu até. Eles acompanharam meu esforço, minha luta diária. Sabiam que isso seria um prêmio enorme para a minha dedicação - afirma.
Marciano, ex- Icasa atual Remo, passa no exame da OAB (Foto: China/ Ag. Misério de Comunicação)Marciano conciliou estudos com a profissão de jogador de futebol e se formou em 2011 em Direito
(Foto: China/ Ag. Miséria de Comunicação)
A dificuldade de conciliar estudos com a profissão sempre foi realidade na vida de Marciano, mas isso nunca foi empecilho para o mais recente 'doutor' continuar os estudos. Na primeira fase da prova, Marciano usou o que aprendeu na faculdade para passar. Já na segunda fase, teve que, mais uma vez, equilibrar a carreira de jogador e estudante e fez um curso prepartório online.
- Fiz a prova para conhecer o estilo, acabei passando na primeira fase, como a segunda era subjetiva fiz um curso online para me preparar melhor. Tive que escolher um curso online porque eu não tenho tempo para ir a um presencial. Foi tudo muito rápido, mas eu estava confiante - explicou Marciano.
Em junho do ano de 2011, quando se formou em Direito, Marciano sonhava em ser delegado e seguir os passos de seu pai, que foi delegado, quando se aposentasse. Após passar no exame, os planos não mudaram e, pelo visto, estão cada vez mais perto de se concretizarem.
Com 31 anos, o jogador já pensa na possibilidade de uma aposentadoria e começa a se preparar para fazer concurso público.
- Dizem que até o final do ano abrem concurso para delegado federal. Vai que eu passo e me aposento mais cedo? Quem sabe eu passo de primeira também... - sonha Marciano.
Não para por aí
Marciano, ex- Icasa atual Remo, passa no exame da OAB 3 (Foto: China/ Ag. Misério de Comunicação)Marciano já pensa em se tornar delegado
(Foto: China/ Ag. Miséria de Comunicação)
Mesmo formado e aprovado na OAB, Marciano não parou com os estudos. O jogador já iniciou a sua pós-graduação em Direito Esportivo. Será mais um ano e meio de dedicação e conciliação com o futebol.
- Eu estou fazendo pós-graduação em Direito Esportivo. Os estudos sempre vieram na frente do futebol. Eu fui criado assim. Eu gosto, eu não consigo parar de estudar - afirma.
Futebol 1 x 1 Direito
Para Marciano, é difícil medir qual das duas profissões lhe dá mais alegria. Segundo ele, a paixão pelas duas é a mesma.
- As duas caminham juntas na minha vida. As emoções são diferentes. O futebol tem as emoções de vitórias, de fazer gols, o assédio, carinho das pessoas, é totalmente diferente. Já o Direito tem o prazer de ajudar e trabalhar para a sociedade. É mais individual o trabalho, mas os dois são bons - finaliza Marciano.

Marciano, ex- Icasa atual Remo, passa no exame da OAB (Foto: China/ Ag. Misério de Comunicação)Marciano diz que paixão pelo futebol e o Direito são iguais (Foto: China/ Ag. Miséria de Comunicação)fonte g1,ce/camocim belo mar blog
  • imprimir
  • entre em contato

CARNAVAL SELEBRA NO MARANHÃO OS 400 ANOS DE SÃO LUIZ.

"Abre-alas Brasil: o Maranhão está chegando". Com esse lema, as atividades do carnaval de rua de São Luís celebram os 400 anos da capital maranhense, também homenageados pelo enredo apresentado pela Escola de Samba Beija Flor de Nilópolis, atual campeã do carnaval carioca
 
O montante foi divulgado no decreto que detalhou o corte de R$ 55 bilhões no Orçamento Geral da União, em edição extra do Diário Oficial da União. O volume de restos a pagar não significa que todo esse dinheiro será de fato gasto. Isso porque, dos mais de R$ 80 bilhões, apenas R$ 7,554 bilhões são classificados como processados. Os R$ 77,988 bilhões restantes ainda estão na fase de empenho, quando o governo apenas emite a autorização para o gasto;fonte agencia brasi/camocim belo mar blog

CARNAVAL SUSPENSO:MORTE DE PADRE FAZ PREFEITO SUSPENDER CANAVAL NO PIAUÍ.



O padre Ribeiro, pároco da cidade de Luzilândia (norte do Piauí) há seis anos, passou mal na tarde desta sexta-feira (17) e foi levado às pressas para a capital Teresina, onde chegou já entrando em estado de coma. Em seguida foi internado na UTI do hospital São Marcos, onde morreu na manhã deste sábado (18). Segundo as informações ele foi acometido de dengue e tinha diabetes em alto nível.
Padre Ribeiro
Padre Ribeiro é natural de Natural de Quixadá (CE), e desde o dia 12 de fevereiro de 2006 se encontrava em Luzilândia à frente da paróquia de Santa Luzia.
Por conta do falecimento do Padre Ribeiro, o prefeito Alberto Carvalho decretou Luto Oficial e cancelou toda a programação oficial de carnaval. O palco em frente a prefeitura na Praça João José Filho já foi inclusive desmontado e os vendedores ambulantes já começam a recolher suas barraquinhas. Em homenagem ao pároco, o sino da igreja de Santa Luzia toca, e uma emissora de rádio local retransmite a última missa por ele celebrada.

Como ele é natural de Quixadá-Ceará, ainda não se tem a informação de que o corpo será velado em Luzilândia. Algumas ruas próximas à igreja de Santa Luzia já foram interditadas.
Antes de Luzilândia, Padre Ribeiro comandou as igrejas de Piracuruca.
Texto: Najila Morais – Luzilândia Online/CAMOCIM BELO MAR BLOG

CANTOR SERTANEJO MORRE AO LEVAR CHOQUE ELETRICO DURANTE SHOW.


O cantor sertanejo Ênio Knak Júnior, de 27 anos, morreu na madrugada deste domingo (19) após sofrer uma descarga elétrica durante um show em Santo Ângelo, na Região das Missões, no Rio Grande do Sul. A dupla Júnior e Marcel se apresentava no Clube Gaúcho, em um baile de carnaval.
Socorrido, Ênio foi levado ao Hospital de Santo Ângelo, mas morreu no local. Após o acidente, A Polícia Civil isolou o clube, que encerrou a programação para o feriado. O corpo está sendo analisado pelo Instituto Médico Legal de Ijuí. “O local foi isolado para a perícia técnica.
Segundo informações dos médicos que o atenderam, ele sofreu uma descarga elétrica”, disse o delegado Rogério Junges, responsável pelo caso.
Ênio Júnior se apresentavam ao lado do irmão Marcel, de 24 anos. O pai e empresário da dupla, Ênio Knak, de 54 anos, disse ao G1 que ainda não se sabe o que causou a descarga elétrica, mas, para ele, a casa de shows não tem responsabilidade. “O Clube Gaúcho sempre nos atendeu muito bem e não tem culpa. Ninguém tem culpa. Foi uma fatalidade”, disse Knak.

Segundo o pai, Júnior desmaiou durante o show. Ele chegou a ser hospitalizado, mas os médicos não conseguiram reanimá-lo. “Estávamos no palco eu, ele e o irmão dele no momento do incidente. Imediatamente paramos o show, e tentamos socorrê-lo. Tentamos reanimá-lo no clube e depois, no Pronto Socorro de Santo Ângelo, mas não conseguimos”.

O velório deve ocorrer entre 15h e 16h deste domingo, após o corpo ser liberado pelo IML. O local do sepultamento ainda não está confirmado, nem o horário. A família tenta marcar para as 10h desta segunda-feira (20) no Cemitério Municipal de Santa Cruz do Sul.

Nascido em Santa Cruz do Sul, Júnior tocava há 17 anos. Antes de formarem a dupla, ele e o irmão Marcel pertenciam ao grupo Ghermânia, bastante famoso na região. Arrasado com a morte do filho, o pai diz que a dupla vivia um bom momento. “Eles estavam fazendo shows no Brasil inteiro. Por dois anos, tocaram em todas as corridas da Fórmula-Truck. Podia-se dizer que estavam decolando”, lamentou.

Fonte: G1/CAMOCIM BELO MAR BLOG

DETENTO É ENCONTRADO MORTO EM CELA DE CASA DE PRIVAÇÃO NO CEARÁ.

Vítima tinha 21 anos e respondia a crime de furto e lesão corporal.
Os nove companheiros de cela são considerados suspeitos.

Do G1 CE
Comente agora
Um detento da Casa de Privação Provisória da Liberdade I (CPPL-I), no Município de Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza, foi encontrado morto na manhã deste sábado (18) pelos policiais que fazem a segurança do presídio. Segundo o delegado da Divisão de Homicídios, Franco Pinheiro, a vítima estava enrolado em lençóis. O corpo apresentava sete perfurações feitas por “cossoco” (faca artesanal).
O corpo, de acordo com Pinheiro, foi encontrado dentro da cela usada pelo detento. Os nove companheiros de cela se tornaram suspeitos de praticarem o homicídio. “Ficaram calados e o corpo estava lá todo enrolado. Todos são partícipes, a menos que se descubra que apenas um ou dois fizeram tudo”, explicou o delegado. A vítima tinha 21 anos e respondia a crime de furto e lesão corporal.fonte G1,CE/camocim belo mar blog

GAVIÕES DA FIEL EMPOLGA TORCIDA COM RELATO DA VIDA DO EX-PRESIDENTE LULA.


Ex-presidente, que luta contra um câncer, não participou da apresentação.
Desfile contou biografia do político e abordou história recente do país.

Do G1, em São Paulo
O corintiano e ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não pôde aparecer para a festa, mas a Gaviões da Fiel não se deixou abalar com a ausência do homenageado e empolgou a torcida no Anhembi. Sexta a desfilar no segundo dia do carnaval 2012 em São Paulo, a escola fez da vida de Lula motivo para um rápido passeio pela história e pela democracia no país.
Lula assistiu o desfile pela televisão, em seu apartamento em São Bernardo do Campo, no ABC paulista. Ao final do desfile, o ex-presidente ligou para a esposa, Marisa Letícia, que desfilou na escola, e afirmou ter ficado emocionado.
Lula nasceu no agreste pernambucano, exerceu por dois mandatos o cargo mais importante do país e virou tema do enredo com o título “Verás que o filho fiel não foge à luta - Lula, o retrato de uma nação”.
Do primeiro ao último dos cinco setores, a Gaviões da Fiel passou pela infância pobre de Lula em Garanhuns, interior do estado de Pernambuco. Tratou ainda do passado de migrante em São Paulo, do engajamento sindical e da campanha vitoriosa para a presidência da república em 2002. No final, a escola explora a vertente corintiana do político.
Evolução
Em uma posição pouco comum, as baianas foram a primeira ala a desfilar. Por sua vez, a comissão de frente cumpriu a missão de apresentar o enredo apostando na literatura de cordel como referência. O abre-alas, primeira das cinco alegorias, falou sobre a religiosidade do sertanejo e a influência do signo de escorpião na vida de Lula. O segundo carro, “Duelo da democracia contra o dragão da ditadura”, retrata a influência da história do Brasil na trajetória do ex-presidente.

O terceiro carro representou uma barca, uma referência às “caravanas de cidadania”, viagens pelo Brasil promovidas pelo político. A quarta alegoria abordou a posse e foi batizada de “A esperança vence o medo”. Nela, o ator Fábio Assunção desfilou dentro de um Rolls-Royce estilizado. “Eu levo Lula para a posse, com a maior honra", declarou.
Ausência
O ex-presidente luta contra um câncer na laringe, diagnosticado em outubro de 2011. Ele deveria desfilar no último carro da escola, acompanhado da mulher, Marisa Letícia, e de filhos do casal.

Dona Marisa Letícia disse que, se a Gaviões ficar entre as campeãs, o ex-presidente Lula, que passa por tratamento contra o câncer, pode desfilar na sexta em São Paulo.

Operário-presidente
A bateria da Gaviões da Fiel sofreu uma "transformação" ao chegar ao recuo. Os componentes tiraram as fantasias de operários e viraram presidentes da República. Quem sambou à frente da bateria foi a rainha Tatiane Minerato, acompanhada pela madrinha Sabrina Sato.
A minha fantasia eu não vou diminuir, já está no tamanho mínimo possível"
Ana Paula Minerato,
musa da Gaviões da Fiel
Sabrina se machucou com a fantasia e terminou o desfile com dedo sangrando.  "Nem senti nada, estou muito emocionada", disse.

Ana Paula Minerato, musa da Gaviões da Fiel, criticou a exposição da Mulher Pêra, que disse ter saído com a menor fantasia do carnaval. Ela disse que não pretende diminuir sua fantasia.

“Eu não quero divulgar, eu quero vir fantasiada. A minha fantasia eu não vou diminuir, já está no tamanho mínimo possível”, disse a musa da escola.

Confira os vídeos da escola                                                                                                           
Comissão de frente

Ala
Bateria
Rainha de bateria, Tatiane Minerato
Madrinha de bateria, Sabrina Sato

Transformação da rainha de bateria
Transformação dos ritmistas

Grito de guerra

Dona Marisa

  fonte
tópicos: