quarta-feira, 17 de junho de 2015

FACHIN AFIRMA QUE TERÁ SERENIDADE E FIRMEZA.

Ministro foi empossado hoje na vaga deixada pelo ministro Joaquim Barbosa, que se aposentou em julho do ano passado

Cerimônia de posse do advogado e professor Luiz Edson Fachin / Pedro Ladeira/FolhapressCerimônia de posse do advogado e professor Luiz Edson FachinPedro Ladeira/Folhapress
O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse que terá serenidade e firmeza para cumprir suas funções na Corte.

Fachin foi empossado nesta terça-feira (16) na vaga deixada pelo ministro Joaquim Barbosa, que se aposentou em julho do ano passado.

Em entrevista após os cumprimentos dos convidados, o ministro disse que recebeu a alegria e a honra de atuar no Supremo. "Espero ter serenidade e firmeza para cumprir com todos os compromissos da Constituição brasileira e com a esperança que a sociedade brasileira deposita na Justiça”, disse em entrevista à imprensa, após os cumprimentos dos convidados.

ASTRONAUTA POSTA FOTO DE 'LUGAR MAIS AZUL DO MUNDO', SAIBA ONDE FICA.


Americano Scott Kelly, em sua segunda missão na Estação Espacial Internacional, selecionou as fotos de lugares 'mais azuis' que fotografou para sua conta no Twitter.

Da BBC
 Foto do lago Cuo Womo, tirada a 400 quilômetros de altura (Foto: Nasa)Foto do lago Cuo Womo, tirada a 400 quilômetros de altura (Foto: Nasa)
"Esse lago no nordeste do Himalaia parece o lugar mais azul do mundo visto da Estação Espacial Internacional", escreveu o astronauta americano Scott Kelly em sua conta no Twitter.
E a foto que acompanha o comentário mostra uma massa de água em forma de coração de um azul tão brilhante que parece modificado pelo Photoshop ou outro programa de edição de imagens. É uma foto do lago Cuo Womo, também chamado de Co Ogma ou simplesmente lago Womo, e o astronauta não mexeu nem um pouco nela – o lugar é simplesmente assim.

CÂMARA DOS DEPUTADOS APROVA URNA COM RECIBO PARA ELEITOR CONFIRMAR VOTO EM ELEIÇÕES.


Plenário rejeitou criação de cotas para mulheres em cargos do Legislativo.
Na quarta-feira, deputados analisam três últimos itens da reforma política.

Do G1, em Brasília

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (16), por 433 votos a favor e 7 contra, uma emenda à proposta de reforma política que prevê que as urnas eletrônicas passem a emitir um "recibo" para que os votos nas eleições possam ser conferidos pelos eleitores.

O texto aprovado também inclui na Constituição regras de fidelidade partidária e muda a norma para a apresentação de projeto de iniciativa popular. Outras cinco propostas foram rejeitadas pelo plenário (veja mais detalhes abaixo).

Nesta quarta-feira (16), o plenário da Câmara deverá analisar, em primeiro turno, os últimos três itens pendentes da reforma política.

- Pelo texto, a urna imprimirá um registro do voto, que deverá ser checado pelo eleitor. Só após esta checagem que será concluído o processo eletrônico de votação. Depois, o recibo será depositado automaticamente em local lacrado e ficará em poder da Justiça Eleitoral. O eleitor não poderá levar o documento para casa. O recibo também não deverá ter a identificação do eleitor.

TRÊ MEDICAMENTOS INOVADORES CONTRA HEPATITE C SERÃO INCLUÍDOS NO SUS.

Hepatite: a doença é caracterizada por uma inflamação do fígado, que pode ser causada por infecções (virais, bactérias), pelo uso de álcool, de medicamentos e de drogas ou por doenças hereditárias ou autoimunes
O Sistema Único de Saúde (SUS) irá oferecer, ainda este ano, um conjunto de três remédios inovadores no tratamento de hepatite C crônica, doença que afeta o fígado. A nova terapia, composta pelos medicamentos daclatasvir, simeprevir e sofosbuvir, tem uma taxa de cura de 90% e é administrada por via oral. Os remédios atuais são injetáveis. Além disso, as novas pílulas têm a vantagem de reduzir o tempo de tratamento, que hoje é de cerca de um ano, para três meses.

As medicações foram aprovadas pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias e, de acordo com o Ministério da Saúde, estarão disponíveis a partir do segundo semestre deste ano. O trio representa um avanço considerável no tratamento da doença e já vêm sendo utilizado em países da Europa, no Japão e Canadá.