quarta-feira, 30 de maio de 2012

BRASIL VOLTA A JOGAR BEM E GOLEIA OS EUA. POR ,4 A 1.



Desde que Mano Menezes assumiu a Seleção Brasileira, pode ser a melhor sequência da equipe. Depois de uma boa vitória sobre a Dinamarca por 3 a 1, nova partida convincente e goleada por 4 a 1 sobre os Estados Unidos. Neymar, Thiago Silva, Marcelo e Alexandre Pato, que ganhou nova chance, marcaram os gols. Gomez descontou para os americanos.

Mano Menezes deve ter aproveitado todo o tempo que teve nos últimos dias para falar aos jogadores da zona ofensiva duas de suas principais ideias para a Seleção: "marquem bastante a saída de bola", e "movimentem-se, não se sintam presos em suas posições iniciais". E parece que cada vez mais eles aprenderam isso.

O jogo

Tanto que o primeiro gol saiu assim. O jogo estava quieto nos primeiros minutos. A única jogada de ataque tinha saído após drible de Hulk e cruzamento para Damião, cortado pela defesa. Então Oscar resolveu pressionar, o que já tinha feito bastante contra a Dinamarca.

O apoiador desarmou na intermediária e encontrou Leandro Damião, seu companheiro no Internacional. O centroavante arriscou e a bola explodiu no braço de Onyewu. O juiz achou que foi pênalti e marcou. Neymar deslocou Howard e abriu o placar para a Seleção.

O gol fez com que os americanos acordassem. Tentaram ir ao ataque, e tiveram uma boa finalização em cobrança de falta de Gomez, jogador mais perigoso da equipe, ao lado do insinuante Donovan. Mas parecia que eles não tinham despertado de vez, e que estavamo no "modo soneca".

Tanto que o incansável Oscar fez mais uma grande jogada. Recebeu na intermediária, matou no peito, e viu Damião disparar. O atacante chutou em cima de Howard. Pouco depois Hulk teve boa chance, mas ao invés de encher o pé ao seu estilo, tentou achar alguém na área e ganhou o escanteio. Na cobrança, o segundo gol. Neymar cruzou, Thiago Silva se antecipou, e nem precisou subir para completar para o gol.

Nos minutos seguintes, o Brasil colocou o pé no freio, e os americanos sentiram. O Brasil teve uma boa chance com Damião, que desarmou no meio, lembrando dos ensinamentos de Mano, e arrancou, mas não achou Neymar. Até que os volantes dos Estados Unidos saíram para o jogo.

E veio o gol. Bradley achou o bom lateral Johnson entrando na área. Ele centrou para Gomez, que se aproveitou de desvio em Thiago Silva para empurrar para o gol.

Segundo Tempo

Na volta do intervalo, os jogadores colocaram em prática outra vez aquilo que Mano Menezes tanto pede: movimentação. Os atacantes abertos mexeram-se, e o terceiro gol saiu assim. Marcelo começou a jogada e achou Hulk, que estava sempre na direita, e estava lá para o outro lado. O "Incrível" passou para Neymar, que devolveu para o lateral-esquerdo marcar.

Com 3 a 1 no marcado, Klinsmann olhou para o banco e viu o ídolo americano Dempsey, que começou no banco por não ter ainda condições perfeitas de jogo. E a partida esquentou um pouco.

Jones fez falta dura em cima de Neymar e recebeu o amarelo. Marcelo chutou a bola desnecessariamente em cima de Cherundolo, que estava caído, e também viu o cartão. Era tudo que os americanos queriam.
Fizeram até uma bela jogada. Outra vez com Johnson, o melhor do time no jogo. Deu grande drible em Thiago Silva, cruzou para Gomez, que cabeceou para o meio, e Dempsey completou. Bola salva por Romulo.
Agora o Brasil que usou aquele despertador. Pato já estava em campo e mandou na trave, após tabela de Neymar com Oscar. E também estava no "soneca". Ficou apenas levando o jogo, Marcelo era o mais ativo. Uma de suas arrancadas, Oscar deu bom chute de longe.

E em seguida Rafael enfim mostrou serviço. Fez duas grandes defesas em chutes fortes e de perto. Primeiro de Gomez, e o rebote com Boyd. Algum tempo depois, outra boa defesa, bola na trave de Onyewu.
Mas foi o Brasil que voltou a marcar. Marcelo cruzou, Alexandre Pato dominou e chutou com calma e força para poder chamar a vitória de goleada.

FICHA TÉCNICA

ESTADOS UNIDOS 1x4 BRASIL

ESTADOS UNIDOS:
 Howard, Cherundolo (Parkhust, 27'/2ºT), Onyewu, Bocanegra e Johnson (Castillo, 34'/2ºT); Edu (Boyd, 27'/2ºT), Bradley, Jones (Beckerman, 34'/2ºT) e Donovan; Gomez e Torres (Dempsey, 10'/2ºT). Técnico: Jürgen Klinsmann

BRASIL: Rafael Cabral, Danilo, Thiago Silva, Juan e Marcelo (Alex Sandro, 44'/2ºT) ; Sandro, Romulo e Oscar (Giuliano, 44'/2ºT); Hulk (Casemiro, 36'/2ºT), Neymar (Lucas, 38'/2ºT) e Leandro Damião (Alexandre Pato, 19'/2ºT). Técnico: Mano Menezes

Estádio: FedEx Field Stadium, em Washington D.C. (EUA)
Data-Hora: 30/05/2012
Árbitro: Jeffrey Calderón
Gols: Neymar (11'/1ºT), Thiago Silva (25'/1ºT), Gomez (44'/1ºT), Marcelo (6'/2ºT), Alexandre Pato (42'/2ºT)
Cartões amarelos: Torres (12'/1ºT), Oscar (19'/1ºT), Marcelo (15'/2ºT).fonte: bandnotícias/camocim belo mar blog

GOVERNO ANUNCIA R$ 18 BILHÕES DE CRÉDITO PARA AGRICULTURA FAMILIAR.



Brasília - O governo vai disponibilizar R$ 18 bilhões para crédito de custeio e investimento à agricultura familiar na safra 2012/2013. O anúncio foi feito hoje (30) pelo ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, em resposta à lista de reivindicações apresentada há um mês pelos movimentos de trabalhadores rurais durante o Grito da Terra Brasil. O detalhamento dos recursos será divulgado durante o anúncio do Plano Safra da Agricultura Familiar, que deve acontecer no fim de junho.
As respostas do governo aos 138 itens de reivindicações foram apresentadas pela própria presidenta Dilma Rousseff em reunião com representantes de entidades do campo liderados pela Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag). O ministro Vargas disse que, além dos R$ 18 bilhões do Plano Safra, mais R$ 4 bilhões devem chegar aos agricultores familiares por meio de outros programas, como os de assistência técnica e aquisição de alimentos.
“A presidenta Dilma disse que se forem necessários mais recursos, vamos viabilizar mais”, disse Vargas. Ele garantiu que R$ 706,5 milhões para aquisição de terras para assentamentos da reforma agrária este ano não serão contingenciados e a presidenta Dilma determinou o descontingenciamento de R$ 300 milhões para assistência técnica para pequenos produtores. Com a última medida, os recursos para a modalidade chegam a R$ 542 milhões.
O presidente da Contag, Alberto Broch, disse após a reunião que é preciso analisar as respostas para fazer um balanço geral das respostas recebidas do governo. Ele disse que os trabalhadores rurais saíram “satisfeitos em parte” com o que ouviram.
“Houveram avanços importantes principalmente nos custeios e investimentos e descontingenciamento da assistência técnica, mas outros pontos não avançaram. Para a reforma agrária, só o descontingenciamento é pouco”, disse Broch, explicando que os movimentos sociais ligados ao campo pediam “pelo menos” mais R$ 500 milhões para desapropriações.
O governo se comprometeu a aumentar o volume de crédito habitacional para os assentamentos, que passarão a integrar o Programa Minha Casa, Minha Vida, que deve passar de R$ 15 mil para R$ 25 mil por habitação. O pacote de medidas anunciado hoje também inclui ampliação do teto do crédito de custeio de R$ 50 mil para R$ 80 mil por produtor e elevação de recursos para o Pronaf Semiárido e para o Pronaf B, que atende agricultores de mais baixa renda
Para os produtores do semiárido, o limite de crédito, que hoje é R$ 12 mil, poderá chegar a R$ 18 mil. Os agricultores do Pronaf B, que atualmente contam com até R$ 7,5 mil, passarão a ter até R$ 10 mil para custeio.
Segundo o ministro Pepe Vargas, durante a reunião a presidenta reforçou o tratamento diferenciado dado pelo governo à agricultura familiar dentro do Novo Código Florestal Brasileiro. Com os vetos e modificações ao código divulgados na segunda-feira (28), o governo criou condições especiais para os pequenos produtores, como exigência de recompor em quantidade menor as áreas de preservação permanente (APPs), com a possibilidade de usar espécies exóticas.
"A presidenta trabalhou bastante essa questão do código florestal, reforçou a importância da agricultura familiar na produção de alimentos e disse que não podemos tratar igualmente os desiguais", disse.
Edição: Fábio Massalli/fonte:agenciabrasil/camocim belo mar blog

COPA DAS CONFEDERAÇÕES:SÓ JOGA NO MARACANÃ CASO CHEGUE A FINAL.



Com Recife e Salvador como cidades-sede, Fifa divulga tabela da competição, que será realizada entre os dias 15 e 30 de junho de 2013

Em evento no Rio de Janeiro, com a presença do secretário-geral Jérôme Valcke, Bebeto e Aldo Rebelo, ministro do Esporte, a Fifa e o Comitê Organizador Local (COL) anunciaram, na manhã desta quarta-feira, a tabela da Copa das Confederações. Como no Mundial de 2014, a seleção brasileira só jogará no Maracanã caso chegue à decisão da competição, que será realizada no Brasil entre os dias 15 e 30 de junho de 2013. Ronaldo não compareceu à coletiva.
A abertura será no dia 15 de junho, às 16h, no Estádio Nacional Mané Garrincha, na capital federal. Depois, o Brasil entra em campo em 19 de junho, em Fortaleza, às 16h. O último jogo da primeira fase será em Salvador, dia 22 de junho, também às 16h. Se passar em primeiro do Grupo A, a Seleção joga a semifinal em 26 de junho em Belo Horizonte, às 16h. Caso seja o segundo colocado, a partida será no Castelão, no mesmo horário, mas um dia depois. A decisão do dia 30 de junho está marcada para as 19hno Rio de Janeiro. Somente a disputa pelo terceiro lugar, na Fonte Nova, no dia da final, será às 13h. Todos os horários acima são de Brasília.
Brasília terá apenas uma partida em toda a competição. A tabela apresentada conta com jogos em Recife e Salvador, mas as duas cidades ainda esperam confirmação da Fifa apenas em novembro sobre a participação no torneio (as tabelas com quatro ou cinco sedes não foram divulgadas).
- Este evento é mais que um mero aperitivo para o que vem em 2014. Ele é um teste operacional importante para o país e para as sedes, mas ao mesmo tempo ele apresenta um futebol do mais alto nível. Isto também se refletiu em uma pesquisa recente mostrando que 64% dos brasileiros querem estar no estádio durante o evento de 2013, quase os mesmos 66% dos interessados em ir à Copa do Mundo um ano mais tarde. Sem falar na impressionante consciência do evento por parte de 87% dos brasileiros - disse Valcke, que participou de seu primeiro evento no Brasil desde a polêmica sobre o "chute no traseiro" em março.
logo da  copa das confederações no Brasil  (Foto: Divulgação / Site Oficial da Fifa)Logo da Copa das Confederações tem um
sabiá-bandeira (Foto: Divulgação / Fifa.com)
Alguns governadores marcaram presença no evento no Rio de Janeiro. Jaques Wagner, da Bahia, Agnelo Queiroz, de Brasília, Eduardo Campos, de Pernambuco, estiveram ao lado de outros representantes dos demais estados confirmados na competição.
A Copa das Confederações terá oito seleções divididas em dois grupos. Os dois primeiros de cada um avançam às semifinais. O sorteio das chaves será em São Paulo, no dia 1º de dezembro. Os ingressos começarão a ser vendidos pouco depois.
- As seis cidades que sediarão a Copa das Confederações da FIFA não só serão portas de entrada para um grande espetáculo de futebol, como também mostrarão a grandeza do Brasil e a capacidade do país e do povo brasileiro de honrarem os seus compromissos. Estou muito confiante de que teremos um evento à altura do padrão que os brasileiros e o mundo todo esperam - afirmou Aldo.
Até o momento, estão confirmados na Copa das Confederações o Uruguai (campeão da Copa América 2011), o México (venceu a Copa Ouro 2011, da Concacaf), o Japão (vencedor da Copa da Ásia 2011), o Brasil (país sede) e a Espanha (campeã mundial). Os demais serão os campeões da Copa Africana de Nações de 2013, da UEFA Euro 2012 e da Copa da Oceania de 2012.
Além disso, o COL e a Fifa anunciaram a Wiseup, escola de idiomas, como novo patrocinador nacional para a Copa do Mundo. A Globo Marcas também foi confirmada como parceira oficial da Fifa para comercializar produtos da competição.
Aldo Rebelo e Jerome Valcke em evento da Copa 2014 Confederações (Foto: Fabrício Marques / Globoesporte.com)Aldo Rebelo (esq.) e Valcke (dir.) na divulgação da tabela (Foto: Fabrício Marques / Globoesporte.com).fonte G1  RJ/camocim belo mar blog

OPERÁRIO MORRE EM OBRA NO CEARÁ UM DIA APÓS ACIDENTE NO MESMO LOCAL.



Operário morreu eletrocutado em obras de saneamento no Bairro Castelão.
Na terça-feira (29), soterramento havia ferido outro operário no local.

A Cagece confirmou que houve soterramento em uma obra da Companhia (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)Obra de saneamento registrou dois acidente em
dois dias (Foto: TV Verdes Mares/Reprodução)
Um operário morreu de parada na tarde desta quarta-feira (30) após levar um choque em obras de saneamento no Bairro Castelão, emFortaleza. O operário foi levado com vida ao hospital Instituto Doutor José Frota (IJF). De acordo com o hospital, o paciente havia chegado após uma parada cardíaca e foi encaminhado ao centro de reanimação do hospital. O operário morreu por volta das 17h20, de acordo com o IJF.
A morte ocorreu um dia após um soterramento ter ferido um operário na mesma obra, realizada pela Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece). O operário soterrado na terça-feira (29) teve ferimentos leves na coluna e fraturou uma perna. Ele foi atendido também no IJF e passa bem.
De acordo com a Cagece, o funcionário José Ariolino Bernardo da Silva sofreu uma descarga elétrica enquanto realizava a colocação de uma prancha metálica quando o braço da escavadeira tocou acidentalmente numa rede elétrica do local.
A Cagece diz também que a obra será suspensa até quinta-feira (31), após uma reunião com a empresa responsável pelas obras, contratada pela Cagece. A obra será retomada após essa reunião. A Cagece diz também que irá prestar apoio aos familiares da vítima.fonte g1 ce/camocim belo mar blo
g

PROJETO DE ESTÁDIO DE ALTO SANTOS,NO CEARÁ E INSPIRADO NO COLISEU.



De acordo com Prefeitura, obra será entregue em dezembro, incompleta


Maquete do novo Estádio Municipal de Alto Santo (Foto: Divulgação/Prefeitura de Alto Santo)Maquete do novo Estádio Municipal de Alto Santo
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Alto Santo)
No município de Alto Santo, a 243 quilômetros de Fortaleza, existe uma obra de fazer inveja a Nero, imperador de Roma entre os anos 54 e 68 d.C. Um estádio municipal inspirado no Coliseu de Roma está sendo construído em pleno interior do Ceará. O prefeito Adelmo Queiroz de Aquino (PRB) diz que queria uma obra diferente de tudo que já foi feito no País.
- A gente, vendo o formato das arquiteturas dos estádios, principalmente as do Ceará, sempre são um a cara do outro. Sempre quis fazer uma obra diferente. É uma obra para inspirar outros prefeitos, um resgate de um sentimento histórico - explica o prefeito.
Além da inspiração arquitetônica inusitada da obra, outro fator que chama a atenção é a capacidade do estádio. Projetada para receber um público de até 10 mil pessoas, a obra comportará metade da população de Alto Santo, de aproximadamente 20 mil habitantes.
Na prática, a praça esportiva será inaugurada com pouco mais de um terço do projeto original. O prefeito Adelmo Aquino disse que entregará o estádio com capacidade somente para 4 mil pessoas, em dezembro. Para receber 10 mil torcedores, o próximo gestor terá que finalizar a obra com o restante das arquibancadas para fazer.
- Vai depender do futuro governante para o estádio chegar na plenitude de 10 mil torcedores. Eu vou entregar o estádio em plenas condições de jogo, com o gramado todo pronto - garante Adelmo.
Fachada do Estádio Municipal de Alto Santo (Foto: Divulgação/Prefeitura de Alto Santo)Estádio foi projetado para capacidade de 10 mil pessoas. Mas prefeito só entregará para 4 mil
(Foto: Gustavo de Negreiros/Diário do Nordeste On Line)
Mesmo não tendo um time que atue em qualquer divisão do Campeonato Cearense, o prefeito acredita que o estádio não se tornará um elefante branco.
- Uma competição não traz apenas o povo do município. Ela atrai pessoas de outras regiões. Não acredito que, com o tempo, o estádio se torne inútil - diz o prefeito, acreditando que o seu 'Coliseu' poderá comportar jogos do Campeonato Cearense, mesmo que seja das equipes de outras cidades.
Quando perguntado sobre o valor total da obra, Adelmo Aquino desconversou e informou três valores diferentes durante a entrevista. Entre R$ 1,5 milhão e R$ 3 milhões, vindo de recursos federais. No entanto, segundo ele, apenas R$ 400 mil haviam sido liberados e gastos até o momento.
- Não é uma obra tão cara. A beleza arquitetônica sobrepôs muito a parte financeira. A criatividade dessa obra está muito acima dos outros estádios - alega Adelmo.
Uma obra grandiosa, mas com glamour local. Para a abertura do estádio, nada de um Roma, da Itália, no gramado do Estádio Coliseu de Alto Santo, como já é popularmente conhecido. Para estrear o campo, o escolhido é o Ceará.
- Quero trazer o Ceará para fazer um amistoso aqui. Sou torcedor e já fui dirigente nos anos 80. Meu desejo é o de trazer o time para a inauguração - afirma.
Fachada do Estádio Municipal de Alto Santo (Foto: Divulgação/Prefeitura de Alto Santo)Estádio Municipal de Alto Santo foi inspirado no Coliseu de Roma (Foto: Gustavo de Negreiros/Diário do Nordeste On Line).G1 CE/camocim belo mar blo
g

RUIM PARA OS DOIS: CEARÁ E GOIÁS EMPATAM CONTINUAM Z-4.



Esmeraldino abre dois gols de vantagem, mas não segura a pressão do
Vozão. Com apenas um ponto, equipes seguem sem vitória na Série B


Ceará e Goiás buscavam a primeira vitória na Série B do Brasileirão, mas deixaram o estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, frustrados. Com o empate em 2 a 2, na noite nesta terça-feira, os dois times somaram seu primeiro ponto na competição, mas permanecem na zona de rebaixamento. Ramon e Iarley marcaram para os visitantes, que chegaram a abrir dois gols de vantagem. Rafael Toloi, contra, e Régis balançaram as redes para o Vozão.
O resultado é pior para o Ceará, que já fez três partidas no torneio e volta a campo no próximo sábado, contra o Guarani, em Campinas. O Goiás fará sua estreia em casa diante do CBR, na próxima sexta-feira, no Serra Dourada. Na próxima semana, a equipe esmeraldina jogará novamente em Goiânia, contra o Paraná, em jogo adiado da segunda rodada.
Quando o árbitro Ítalo Medeiros de Azevedo (RN) apitou o início do jogo entre Ceará e Goiás, os visitantes pareciam se sentir em casa. À vontade no estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, o Goiás buscava a primeira vitória na Segundona sem se preocupar com a pressão da torcida do Vozão. O time goiano estava leve em campo e não demorou a abrir o placar. Logo aos seis minutos, Rychely fez boa jogada com Iarley, que chutou cruzado. Fenando Henrique rebateu dentro da área, e Ramon apareceu livre para balançar as redes: 1 a 0 Goiás.
Ceará x Goiás, pela 3ª rodada do Brasileirão (Foto: Natinho Rodrigues/Ag. Diário)Iarley disputa jogada pelo alto (Foto: Natinho Rodrigues/Ag. Diário)
O Ceará, que vinha de duas derrotas, logo tentou igualar o marcador para não transformar o apoio das arquibancadas em vaias. Falta de vontade não era o problema, mas o anfitrião estava desorganizado em campo, tentava levar perigo apenas em jogadas isoladas, como cruzamentos ou chutes de longa distância. Melhor para o Goiás. Ramon fazia boa partida e aparecia na área cearense como elemento surpresa, levando muito perigo ao goleiro adversário.
Aos 14 minutos, Fernando Henrique levou a melhor e evitou que o cruzamento de Egidio chegasse a Ramon. Porém, o jogador saiu da área para criar a jogada do segundo gol. Na intermediária, recebeu a bola com total liberdade e arriscou. Oportunista, Iarley desviou na meia-lua e ampliou o marcador: 2 a 0 Goiás.
O clima no estádio já era totalmente desfavorável ao Ceará. Terminar a primeira etapa com dois gols de desvantagem não estava no script. O Vozão levou perigo com Rogerinho. O meia fez boa jogada e arriscou de longe. Harlei fez a defesa sem dar rebotes.
‘Ajudinha’ de Rafael Toloi
Ceará x Goiás, pela 3ª rodada do Brasileirão (Foto: Natinho Rodrigues/Ag. Diário)Atacante Lima quase marca de cabeça no 1º tempo
(Foto: Natinho Rodrigues/Ag. Diário)
Aos 32 minutos, o Ceará cresceu no jogo em um lance mais do que curioso. Lima fez jogada pela ponta direita e chutou cruzado. A bola ainda desviou em Ernando antes de Rafael Toloi protagonizar uma jogada que o deixaria com vergonha imediatamente. O zagueiro tentou afastar a bola, mas chutou para o fundo de suas próprias redes, fazendo gol contra: 2 a 1. O zagueiro esmeraldino não acreditou no lance, deitou no gramado com as mãos na cabeça e foi consolado pelos companheiros.
O Goiás iniciava então a missão de não deixar o adversário se empolgar. Não deu certo. A equipe visitante até ameaçou com Rychely, aos 40 minutos, mas depois foi pressionada até o fim da primeira etapa. O lateral-direito Apodi, que corria muito em campo, mas sem eficiência, passou a ser perigoso. Em um belo lance, o jogador superou Egídio com facilidade e cruzou. Lima cabeceou no canto, e Harlei fez grande defesa. Antes do apito, o Vozão ainda chegou em outra finalização de Lima pelo alto.
Pressão e empate do Ceará
Precisando de pelo menos um gol para conquistar seu primeiro ponto na Série B do Campeonato Brasileiro, o Ceará partiu pra cima no segundo tempo. A equipe da casa tinha outro motivo para pressionar. Lesionado, o experiente goleiro Harlei, de 40 anos, sentiu uma contratura muscular e nem voltou a campo na etapa final. A missão de segurar a vitória do Goiás estava nas mãos de Pedro Henrique, de 25 anos.
Logo aos seis minutos, o goleiro fez boa defesa após jogada de Rogerinho. Aos 13, Reina, que substituiu Márcio Careca, fez grande jogada individual, rolou para o centro da área, mas Rogerinho isolou. Três minutos depois, Tinga saiu na cara do gol, mas finalizou à direita de Pedro Henrique. O Goiás parecia assustado. A equipe estava acuada não só pela vantagem no marcador, mas também pela boa partida que o Ceará fazia na volta do intervalo.
A pressão surtiu efeito aos 25 minutos. Se Mota não tinha aparecido como artilheiro, o atacante fez a função de garçom. Ele encontrou o volante Régis, que apareceu como elemento surpresa e ficou livre, cara a cara com o goleiro do Goiás. Pedro Henrique chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol de empate após chute forte, no centro do gol: 2 a 2.
Os Goiás só ameaçou o rival aos 38 minutos, com Vítor, que soltou uma bomba da entrada da área. Fernando Henrique fez grande defesa. Aos 42, após confusão na área esmeraldina, Rogerinho quase fez o gol da virada cearense.
Rogerinho e Thiago Mendes, Ceará x Goias (Foto: LC Moreira / Futura Press)Rogerinho disputa lance com Thiago Mendes (Foto: LC Moreira / Futura Press).fonte:g1 ce/camocim belo mar blog

VACA PROVOCA ACIDENTE ENVOLVENDO TRÊS VEÍCULOS ENTRE CAMOCIM E GRANJA-CE.


Por volta das 21:30h de terça-feira (29), na CE-085, próximo à Escola Agrícola de Granja, uma vaca teria sido a causa de um acidente inusitado. Primeiro ela teria sido atropelada por um veículo que seguia  em direção à cidade de Granja, que era guiado por um empresário granjense, mas que mantém negócios em Camocim. Logo em seguida, já caído, o animal foi atropelado por um outro veículo, que seguia rumo ao município de Parnaíba, vindo da cidade de Trairi, sendo ocupado por uma família inteira.