domingo, 14 de setembro de 2014

DOE SANGUE E SALVE VIDAS!

Uma única doação de sangue pode salvar até quatro vidas
De acordo com a OMS, são realizadas um total de 92 milhões de doações de sangue por ano em todo o mundo. No Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, 1,9% dos brasileiros doa sangue regularmente. Embora, esteja dentro do parâmetro de 1% a 3% definido pela OMS, esse número ainda precisa melhorar.

O PAPA FRANCISCO OFICIA PRIMEIROS CASAMENTOS DE SEU PONTIFICADO.

Pontífice uniu 20 casais no Vaticano.

Ele disse que o casamento é um 'símbolo de vida real, não de ficção'.

Do G1, em São Paulo/CBM
O Papa Francisco celebra casamentos neste domingo (14) no Vaticano (Foto: Alberto Pizzoli/AFP)O Papa Francisco celebra casamentos neste domingo (14) no Vaticano (Foto: Alberto Pizzoli/AFP)












O Papa Francisco oficiou neste domingo (14) no Vaticano os primeiros casamentos de seu pontificado, ao unir 20 casais aos quais lembrou que a instituição é um "símbolo de vida real, não de ficção". Ele lembrou aos noivos que, além de alegrias, também haverá dificuldades mas, segundo explicou, isso é o que faz a instituição do casamento "humana".
"O casamento é um símbolo de vida, vida real, não é uma ficção!. É a reciprocidade das diferenças, não é um caminho fácil, sem conflitos, não... porque se for assim, não seria humano. É um percurso às vezes difícil e conflituoso, mas essa é a vida!", disse.
O Papa oficiou este rito um mês antes da realização do Sínodo de bispos sobre a Família que começará em 5 de outubro e que deverá traçar a linha pastoral neste âmbito.
O pontífice argentino disse que as famílias são "o primeiro lugar onde nos formamos como pessoas e, ao mesmo tempo, são os 'tijolos' para a construção da sociedade".
Francisco já presidiu a imposição de outros sacramentos como a confirmação e a ordenação sacerdotal mas, como bispo de Roma, ainda não tinha casado nenhum de seus fiéis.
Entre os 20 casais de sua diocese que contraíram casamento está o formada por Gabriella e Guido, de 56 e 49, que estiveram acompanhados pela filha da primeira.

AGREDIDO POR TRAVESTI EM BOATE, JOVEM PERDE VISÃO DE UM OLHO EM RIBEIRÃO PRETO-SP.

Confusão começou após vítima derrubar bebida acidentalmente em cliente.

Grupo bateu em cabeleireiro na rua com placa de trânsito, diz testemunha.

Do G1 Ribeirão e Franca/CBM

Um cabeleireiro de 26 anos alega ter perdido a visão do olho esquerdo e sofrido diversas fraturas pelo corpo após ser agredido por pelo menos 20 pessoas dentro de uma casa noturna no Centro de Ribeirão Preto (SP). A confusão teria começado depois que a vítima, Vitor Augusto Gomes, derrubou bebida acidentalmente em um travesti, que também estava na balada. O caso ocorreu durante uma festa na madrugada de 7 de setembro e está sendo investigado pela Polícia Civil.
Procurado pelo G1, o gerente da casa Alternativo Fever Club, Vicente César, não se manifestou sobre o caso até a publicação desta reportagem.

AVIÃO CAI EM CONDOMÍNIO NA ARGENTINA E MATA DUAS PESSOAS.

Ex-dono de empresa de aviação civil pilotava aeronave. 

Três casas foram danificadas no acidente.

Do G1 com agências internacionais
Um avião de pequeno porte caiu na tarde deste domingo (14) em um condomínio na cidade de Tigre, região norte da província de Buenos Aires, e matou Gustavo Andrés Deutsch, 78 anos, ex-dono da empresa de aviação civil argentina Lapa e sua esposa,  O acidente ocorreu por volta das 15h, horário local.
"Temos duas vítimas a lamentar, os tripulantes do avião, um casal", únicos ocupantes da aeronave, disse o prefeito de Tigre, Julio Zamora em entrevista coletiva no exclusivo bairro de Nordelta, construído sobre pequenas ilhas no delta do rio Paraná.
Segundo Zamora, o acidente causou "a destruição total de uma propriedade e o incêndio parcial de outras duas residências vizinhas, todas vazias".
De acordo com o jornal El Clarín, a aeronave teria como destino o aeroporto Jorge Newbery, na capital argentina.
Testemunhas afirmam que o avião voava a baixa altitude, supostamente com a intenção de realizar um pouso de emergência. Ainda segundo o jornal, a aeronave era do modelo Beech E 300, e tinha matrícula LV WLT.
Acidente aéreo em Buenos Aires (Foto: AFP)Acidente aéreo em Buenos Aires (Foto: AFP)

PRÉ-JOGO DE FORTALEZA E PAYSANDU É MARCADO POR BRIGAS DE TORCEDORES E PRISÕES NO ENTORNO DO CASTELÃO EM FORTALEZA-CE.

VIOLÊNCIA

Torcedores do Paysandu foram presos portando entorpecentes nas proximidades do estádio

carro depredado
Alguns carros chegaram a ser depredados pela ação dos torcedores
VCREPÓRTER
A partida entre Fortaleza e Paysandu, que ocorreu neste domingo (14), na Arena Castelão, ficou marcado bem antes de a bola rolar. Torcedores dos dois times entraram em confronto em pelo menos 4 pontos da Capital.  Segundo o Tenente-Coronel Aginaldo, do Batalhão de Policiamento de Eventos da Polícia Militar, foram registrados tumultos nos terminais de integração do Antônio Bezerra e Lagoa, no Bairro Pici e nas proximidades do Castelão.
Um grupo de aproximadamente 300 torcedores do Fortaleza saiu do Estádio Alcides Santos em direção ao palco da partida. Mesmo escoltados por equipes do Comando Tático Motorizado (Cotam) e do Canil o percurso até o Castelão foi marcado por muita confusão.
Os moradores residentes na avenida Dr Silas Munguba ficaram apavorados com o tumulto provocado pelos torcedores. O grupo chegou a invadir uma casa e uma loja de material de mármore situados na avenida. Algumas lojas da região fecharam as portas com medo da ação do grupo. A Polícia agiu com balas de borracha e bomba de gás lacrimogênio.

ASSOCIAÇÃO QUER SUSPENDER DIREITO DE VOTO PARA BENEFICIÁRIOS DO BOLSA FAMÍLIA


A Associação Comercial e Industrial de Ponta Grossa (ACI-PG) está propondo a suspensão do direito de voto de todos os cidadãos beneficiados por programas de distribuição de renda, seja municipal, estadual ou municipal. A proposta consta numa cartilha distribuída pela associação e está causando controvérsia na região.
Presidente da entidade, o empresário Nilton Fior reconhece que a emenda fere a Constituição, mas a ideia, segundo ele, é “provocar uma reflexão” diante do grande número de pessoas no Brasil que vivem do benefício. Hoje são cerca de 13 milhões, segundo a Caixa Econômica Federal.
Para ele, a concessão do benefício cria um vínculo entre quem concede o benefício e quem recebe. “Queremos com esse debate eliminar este fator”, diz Fior. O documento, com 18 propostas, foi entregue aos candidatos a deputado de Ponta Grossa e região, na semana passada. O assunto tem repercutido na internet, com opiniões contrárias e favoráveis à sugestão. A proposta foi discutida na associação e aprovada por 34 dos 37 diretores da instituição. A perda do direito de votar seria somente pelo período em que a pessoa estiver recebendo o benefício.