domingo, 16 de agosto de 2015

FORA DO COMANDO DO 'CRIANÇA ESPERANÇA', RENATO ARAGÃO SERÁ HOMENAGEADO.

A atração, que vai ao ar ao vivo neste sábado (15), perdeu um pouco da grandiosidade de um show


Mesmo sem ser o mestre de cerimônia do "Criança Esperança" deste ano, Renato Aragão vai ganhar uma homenagem especial na 30ª edição. A atração, que vai ao ar ao vivo neste sábado (15), perdeu um pouco da grandiosidade de um show, de um musical, para virar um programa de televisão com duração de duas horas.
"Este ano não vamos ter um show, vamos ter um programa emocionante para mostrar que o mais importante de toda essa campanha é o doador. Esse doador só se faz presente nas ligações e, por isso, o grande astro, mestre de cerimônia vai ser o mesão no meio do palco", contou o diretor geral Rafael Dragaud, que tentou amenizar o fato de Renato Aragão não estar no comando pelo segundo ano consecutivo.
"Ano passado ele não foi o mestre de cerimônia, mas ele é um símbolo, um personagem eterno dessa campanha que merece todas as homenagens possíveis pela iniciativa. Ele vai aparecer em vários momentos, irá receber carinhos de todos e até já me pediu um ambulância à disposição", brincou Dragaud.

LANÇADO EM BRASÍLIA O MAPA DOS BABAÇUAIS.


O Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (MIQCB) lançou no último dia 10, segunda-feira, na Câmara dos Deputados, em Brasília, o Mapa da Região Ecológica dos Babaçuais dos estados do Piauí, Tocantins, Maranhão e Pará. A senadora Regina Sousa, que foi quebradeira de coco, e o deputado Nilto Tatto (PT-SP) recepcionaram as integrantes do movimento e participaram da solenidade.
O Mapa é resultado de pesquisa realizada desde 2014 pelo projeto Nova Cartografia Social da Amazônia, teve o apoio da Fundação Ford e contou com a participação de pesquisadores da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), da Universidade Federal do Tocantins (UFTO), da Universidade Federal do Pará (UFPA), da Universidade Federal do Piauí (UFPI), e movimentos sociais. Este pesquisa tem confluência com pesquisas anteriores de cartografia social liderada pelo antropólogo Alfredo Wagner Berno de Almeida.

PRF DE PARNAÍBA-PI BLOQUEIA ESTRADA APÓS DESABAMENTO DE PONTE NA DIVISA DO PIAUÍ COM O CEARÁ..


A PRF de Parnaíba bloqueou por volta das 15hs deste sábado(15), a ponte na divisa do Piauí com o Ceará, próximo a cidade de Chaval.

Parte da estrutura foi de encontro ao chão e comprometeu o tráfego no local.

Madeiras foram adaptadas para o acesso de veículos de passeio e pesados, o que complicou ainda mais a estrutura da ponte pelo lado do estado do Ceará, razão pela qual o bloqueio da PRF.

O inspetor Mário Ribeiro, comunicou que os veículos com destino ao Ceará vindo de Parnaíba devem seguir pela cidade de Cocal passando por Viçosa, "quem vem pela BR 402 em direção ao Ceará, vai voltar", alerta o inspetor.

FORTALEZA E NOVA RUSSAS RECEBEM CAMPANHA CEARÁ SEM DROGAS.

A Campanha Ceará sem Drogas, da Assembleia Legislativa, já definiu os locais que vão receber os dois próximos encontros. Em Fortaleza, 27 de agosto, o evento acontece no Cuca da Barra do Ceará, às 16h30. No dia seguinte, o grêmio recreativo do município de Nova Russas (Sertão de Crateús) será sede da campanha, a partir de 9h30.
O palestrante será o ex-craque do Corinthians e da Seleção Brasileira, Walter Casagrande. O comentarista da TV Globo, que já foi dependente químico, vai conversar com os jovens sobre sua experiência com as drogas e o processo de reabilitação. A vivência está narrada no livro biográfico “Casagrande e seus demônios”.
O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Zezinho Albuquerque (Pros), lançou a campanha Ceará sem Drogas em 2014, com objetivo de mobilizar a sociedade cearense em torno da prevenção e do enfrentamento à dependência química. A AL está realizando uma série de encontros em todo o Estado, reunindo lideranças políticas, educadores, estudantes, profissionais de saúde e toda a população para buscar soluções para o problema.

SINDICATO DOS POLICIAIS CIVIS DO CEARÁ DENUNCIA TRÁFICO DE INFLUÊNCIA NA ACADEMIA DE SEGURANÇA.

ESCÂNDALO NO GOVERNO
Redação
jornalismo@cearanews7.com.br

Uma grave denúncia revelada nesta sexta-feira (14) pode se transformar no primeiro escândalo na gestão do governador Camilo Santana (PT) e atinge diretamente a administração da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social. A denúncia revela suposto tráfico de influência e fraude na Academia Estadual da Segurança Pública(AESP).
Resultado de imagem para imagens da sinpol ceara

A denúncia foi feita pelo Sindicato dos Policiais Civis do Ceará (Sinpol), onde uma instrutora do Curso de Formação de Perito Criminal e Auxiliar de Perícia revelou que o atual diretor-geral da Academia, coronel PM José Herlínio Dutra teria ordenado a anulação de questões numa prova de Direito Penal para beneficiar um candidato a perito. Tal candidato seria filho do Perito-Geral do
Estado, Maximiano Leite Chaves. O caso deverá ser levado ao conhecimento dos Ministérios Públicos Estadual e Federal, além da Polícia Federal para adoção de providências.

A denunciante (identidade preservada) prestou um Boletim de Ocorrência (B.O.) sobre o fato e, ao mesmo tempo, solicitou sua inclusão no Programa Estadual de Proteção à Vida (Provita), temendo represálias.

PROJETO NO PORTÃO DO INFERNO EM MATO GROSSO PREVÊ TRILHAS AO LADO DE PAREDÕES.


Mirante que fica na MT-251 está fechado desde 2011 por decisão judicial.
Projeto arquitetônico iniciou e data de reabertura do local não foi anunciada.

Do G1 MT
Paredões na região do Portão do Inferno chegam a 150 metros de altura.  (Foto: José Medeiros/GCOM-MT)Paredões na região do Portão do Inferno chegam a 150 metros de altura. (Foto: José Medeiros/GCOM-MT)
Um estudo geológico do Portão do Inferno, ponto turístico localizado na MT-251, na região de Chapada dos Guimarães, a 65 km de Cuiabá, foi concluído e ponta as áreas de risco e os locais que poderão receber infraestrutura turística. O local, fechado desde 2011 por decisão judicial, é um mirante em uma curva da rodovia, com paredões que chegam a 150 metros de altura.
A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec) recebeu nesta quinta-feira (13) da Associação Pró-desenvolvimento de Chapada dos Guimarães (Aprodec) o estudo geológico que embasará projetos de infraestrutura turística. A ideia do estudo era identificar e caracterizar as áreas de risco de queda de blocos e processos erosivos na borda das escarpas (paredões) e ao longo das trilhas.
De acordo com o governo, o projeto arquitetônico já foi iniciado e no local serão construídos um estacionamento, uma trilha com belvedere e um restaurante.
No relatório dos geólogos da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) constam reconhecimento preliminar da área, caracterização do meio físico, levantamento topográfico e sugestão dos locais apropriados para a realização das futuras obras.