segunda-feira, 9 de abril de 2012

EVANDRO LEITÃO CONFIRMA INTERESSE DO VITÓRIA PELO TÉCNICO PC GUSMÃO.



Presidente alvinegro disse que recebeu ligações de algumas pessoas ligadas ao Rubro-negro baiano

Por GLOBOESPORTE.COMFortaleza
PC Gusmão, técnico do Ceará (Foto: Alex Costa / Ag. Diário)PC Gusmão tem 100% de aproveitamento no Ceará
(Foto: Alex Costa / Ag. Diário)
O presidente do Ceará Evandro Leitão afirmou em entrevista para a Rádio Globo/Fortaleza que recebeu uma proposta do Vitória pela aquisição do treinador Paulo César Gusmão.
- Nos últimos dias, o único clube que me procurou foi o Vitória. Não houve outra agremiação como muitos estão falando. Conversei com alguns dirigentes baianos e falei que PC Gusmão não tinha o interesse de deixar o time - disse o dirigente alvinegro.
Evandro Leitão aproveitou também para lembrar que PC Gusmão tem contrato com o Ceará até o final de 2012 e para um clube contratá-lo terá que pagar uma multa rescisória. O dirigente acrescentou que o próprio PC Gusmão não manifestou interesse em sair do clube cearense e que pretende ficar no Vovô até o final do contrato.
Desde a chegada de PC Gusmão, o Ceará venceu todas as sete partidas que disputou no Campeonato Cearense. A equipe está na liderança isolada da competição.fonte G1 CE/camocim belo mar blog

FERROVIÁRIO FAZ CONTAS E VÊ REBAIXAMENTO BATER A SUA PORTA.



Na 10ª colocação no Campeonato Cearense, dentro da zona de rebaixamento, Ferroviário tem que vencer e torcer contra Guarasol e Icasa

Por Roberto LeiteFortaleza, CE
  •  
Torcedor do Ferroviário triste após derrota para Fortaleza no Campeonato Cearense de 2012 (Foto: Rodrigo Carvalho/Agência Diário)Após derrota para o Tricolor, torcida coral entrou em
desespero(Foto: Rodrigo Carvalho/Agência Diário)
Há anos em crise, o Ferroviário pode viver, em seis dias, o seu pior momento na história. Terceiro maior campeão estadual, em 98 anos de história do Campeonato Cearense, e em terceiro também em renda e público na competição deste ano, o Tubarão da Barra está bem perto de ser rebaixado para a segunda divisão do Estadual.
No início do mês de março, o GLOBOESPORTE.COM/CE conversou com cronistas esportistas da imprensa cearenses, que avaliaram a situação coral. Todos foram unânimes em dizer que as más administrações dos últimos anos, contribuíram para que o clube caísse em qualidade e não conseguisse mais se firmar no futebol cearense.
A esperança da torcida coral era que o Ferrão derrotasse o Fortaleza, no Clássico das Cores deste último domingo, e terminasse a rodada fora da zona de rebaixamento. No entanto, a derrota por 3 a 1 praticamente tirou as esperanças de salvação da degola.
Em toda a sua história, o clube coral nunca deixou de disputar a primeira divisão do Cearense. E agora precisa de uma vitória contra o Guarani de Juazeiro, na última rodada, e ainda contar com a sorte. Isso porque os adversários diretos têm mais vantagens nos jogos que têm a cumprir.
O Guarany de Sobral, 8º colocado, tem 21 pontos e um jogo e menos que o Ferrão. Nesta terça-feira, o Cacique do Vale encara o Horizonte, fora de casa. O Galo do Tabuleiro já está classificado, mas joga em casa e é favorito. No entanto, na última rodada, o Bugre enfrenta o Trairiense em casa. Uma vitória simples contra outro time também quase rebaixado ou um empate, garante a equipe sobralense na primeira divisão.
O Icasa é, de fato, o adversário direto do Ferroviário, na briga contra o rebaixamento. Contudo, o Verdão do Cariri recebe o já rebaixado Itapipoca. Se o Icasa perder e o Ferrão passar pelo Guaraju, o time coral consegue escapar. Em caso de empate do Verdão também. Apenas se o Icasa perder e o Ferroviário empatar, a permanência será decidida no número de vitórias.
Durante toda esta semana, o Ferroviário torce para que Guarany de Sobral e Icasa não vençam seus jogos. E, de preferência, sequer empatem. Sem contar que precisará vencer seu adversário.fonte G1 CE/camocim belo mar blog

ÔNIBUS CAI EM BARRANCO E MATA DUAS PESSOAS EM RODOVIA NO CEARÁ.



Veículo trazia 42 passageiros de Fortaleza para Juazeiro do Norte, diz PRE.
Tombamento ocorreu no quilômetro 340 da CE-060.

El
Ônibus trazia 40 passageiros de Fortaleza para Juazeiro do Norte (Foto: Alex Santana/ Iguatu.net)Ônibus trazia 40 passageiros de Fortaleza para
Juazeiro do Norte (Foto: Alex Santana/ Iguatu.net)
Duas pessoas morreram em um acidente com ônibus na manhã desta segunda-feira (9) no quilômetro 340 da CE-060, entre os municípios de Acopiara e Iguatu, no Centro Sul do Ceará. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE-CE), o veículo tombou por volta de 5h30 após sair da pista e cair em um barranco da rodovia.
A Empresa Guanabara, responsável pelo ônibus, informou ao G1 que 42 passageiros estavam no veículo que fazia o trajeto Fortaleza - Juazeiro do Norte. A Guanabara informou ainda que enviou ao local equipes de Iguatu, Fortaleza e Juazeiro do Norte para prestar assistência aos passageiros e apurar as causas do acidente. Segundo a PRE-CE, duas pessoas foram retiradas das ferragens já sem vida e os outros passageiros feridos estão sendo encaminhados para os hospitais dos municípios de Iguatu e Acopiara.

NOVE ESTADOS PAGAM AO MENOS 15 SALÁRIOS POR ANO PARA DEPUTADOS.



No Maranhão, deputados recebem 18 salários de R$ 20 mil por ano.
Congresso Nacional estuda limitar pagamento a 13 salários anuais.

D
171 comentários
Um levantamento feito pelo Fantásticomostra que pelo menos nove estados pagam hoje 15 salários por ano aos deputados estaduais. No caso do Maranhão, são 18 salários por ano, de R$ 20 mil cada. Em alguns estados, o destaque é o valor da chamada verba indenizatória, que chega aos milhões de reais. (No vídeo ao lado, assista à reportagem do Fantástico na íntegra).
O pagamento de mais salários que o trabalhador comum recebe por ano não é exclusividade dos estados. Isso começa já no Congresso Nacional, onde deputados federais e senadores recebem 15 salários por ano, o que dá mais de R$ 400 mil. Esse quadro pode mudar, já que um projeto aprovado em comissão do Senado Federal – e que ainda aguarda votação – reduz de 15 para 13 o número de salários pagos anualmente.
Se aprovado no Congresso, o corte do 14° e do 15° salários deverá se estender a todas as assembleias estaduais. “Não é justo que um parlamentar tenha vantagens salariais maiores do que os normais, do cidadão comum”, defende o conselheiro da ONG Transparência Brasil, David Fleisher.
Hoje, algumas assembleias já começaram a reduzir o número de salários para 13, como no Paraná. Já em Goiás, o Ministério Público questionou os pagamentos na Justiça. “Se a Constituição não previu esse pagamento, na forma de ajuda de custo, chamado também de 'auxílio-paletó', então não pode ser efetuado”, explica o procurador geral de Justiça de Goiás, Benedito Torres Neto. O caso ainda está sendo julgado.
Na Assembleia Legislativa do Maranhão, tem deputado que reclama do salário de cerca de R$ 20 mil por mês – e que é pago não 12, mas 18 vezes por ano. "Muitas vezes nós tiramos do nosso próprio salário para servir à população", diz a deputada estadual Graça Melo.
Segundo a presidência da assembleia, os deputados maranhenses aguardam a decisão dos cortes no Congresso Nacional para reduzir os próprios salários. Os deputados estaduais maranhenses recebem ainda R$ 1.050,00 por mês de complemento para o plano de saúde - que são pagos também para quem deixa o cargo. No ano passado, foram mais de R$ 428 mil em gastos com os ex-parlamentares.
Verba indenizatória
Outra questão polêmica dos gastos públicos com o Congresso e as assembleias é a verba indenizatória, ou seja, o dinheiro a que o parlamentar tem direito para pagar despesas como alimentação, propaganda e aluguel de carros, entre outras, além do salário. No Congresso Nacional, o valor mais alto é pago aos senadores, quase R$ 42 mil por mês, por parlamentar, incluindo passagens aéreas. Na Câmara dos Deputados, esse valor fica próximo de R$ 33 mil.
No Piauí, a verba indenizatória dos deputados estaduais, que era de R$ 50 mil, passou este ano para R$ 80 mil, quase o dobro do que recebem os senadores. Segundo Fleischer, ter acesso a tanta verba desgasta a imagem dos parlamentares. “Ele passa a imagem de que é impune e de que pode fazer praticamente qualquer coisa e que na verba indenizatória ele pode pendurar qualquer recibo”, afirma ele.
Na Assembleia Legislativa do Amapá, os 24 deputados recebem, por ano, 15 salários de R$ 20.042,00. Segundo o IBGE, o estado é um dos que menos contribuem na soma do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, apenas 0,2%. Mesmo assim, em menos de um ano, os deputados do Amapá subiram a verba indenizatória de R$ 30 mil para R$ 100 mil mensais, ou seja, cada deputado tem à disposição R$ 1,2 milhão por ano para cobrir gastos extras. Para receber o dinheiro, basta apresentar notas fiscais e pedir reembolso.
A Polícia Federal e o Ministério Público estão investigando o uso dessas verbas. "Como as verbas ainda não têm a comprovação de seus gastos, nós não podemos dizer que elas são regulares, que elas são legais. Nós achamos que é muito alto o valor para uma comunidade como a nossa, num estado como o nosso", diz a procuradora-geral da Justiça, Ivana Lúcia Cei.
Em um dos postos de combustíveis que presta serviços à Assembleia Legislativa do AP, foram emitidos, em apenas um ano e meio, mais de R$ 500 mil em notas fiscais para os deputados que pediram reembolso com a verba indenizatória. Entre os sócios da empresa está um deputado, Michel Houat Harb, conhecido como Michel JK. Ele aparece no contrato social do posto, mas o gerente nega que ele seja sócio do estabelecimento.
Já o deputado Edinho Duarte apresentou notas fiscais para pedir reembolso com despesas de divulgação em vídeo e em um jornal local. Segundo relatório da Polícia Federal, a produtora de vídeo pertence à esposa do deputado, e o jornal, ao filho dele – e as duas empresas ficam no mesmo endereço. A equipe do Fantástico tentou falar com os deputados Edinho Duarte e Michel JK, mas eles não ligaram de volta.
Segundo o Ministério Público, os deputados amapaenses têm ainda o direito à maior diária do país durante as viagens. São até R$ 2.600 por dia, se a viagem for dentro do próprio estado. Segundo a Polícia Federal, em um ano, os deputados chegaram a receber quase R$ 4,5 milhões nas viagens pelo estado.
Veja o site do Fantástico.fonte G1 RJ,via fantástico/camocim belo mar blog

DATENA ESTREIA NOVO PROGRAMA NESTA SEGUNDA-FEIRA NA BAND.



Apresentador comanda o game-show "Quem Fica em Pé?"
Datena vai mostrar lado mais descontraído na atração / Divulgação/BandDatena vai mostrar lado mais descontraído na atraçãoDivulgação/Band
Quem está acostumado com a ferocidade de José Luiz Datena à frente do programa policial"Brasil Urgente" vai estranhar. A partir de hoje, a faceta divertida do apresentador ganha espaço com a estreia de "Quem Fica em Pé?", às 21h20, na Band.

"Comecei a carreira como repórter de comportamento e humor. Meu objetivo é passar alegria e descontração. Meu espelho é Silvio Santos", diz ele, que comanda a atração.

No game-show de perguntas e respostas, o participante briga contra o relógio para acertar as questões a tempo e levar o prêmio de R$ 100 mil. Se não consegue, ele cai em um buraco que se abre no chão.

Não perca o programa, que vai ao ar na tela daBand, às segundas, terças e quintas, às 21h20.fonte bandnotícias/camocim belo mar blog