quinta-feira, 5 de junho de 2014

PERITOS EXAMINAM CASAS DE HOMEM QUE CONFESSOU TER MATADO ZELADOR EM SP.


A polícia recolheu objetos no apartamento e na casa de praia de Eduardo Martins, que confessou ter matado o zelador do prédio onde morava.










A polícia recolheu objetos no apartamento e na casa de praia do publicitário Eduardo Martins, que confessou ter matado o zelador do prédio onde morava, em São Paulo. Os policiais querem saber onde e de que forma o crime aconteceu. 
A advogada Ieda Cristina Martins, mulher do publicitário, ficou sete horas na carceragem de uma delegacia. No fim da noite da última terça-feira (3), ela foi libertada, porque a Justiça concedeu habeas corpus.
Na mesma hora, peritos examinaram o apartamento onde o zelador Jezi Lopes de Souza teria sido atacado. A casa de praia do publicitário Eduardo Pinto Martins também passou por perícia.

EM GRANJA-CE PREFEIRURA LANÇA DITAL DE CONCURSO PARA GUARDA MUNICIPAL E GUARDA DE TRÂNSITO.

 por granjahoje

http://www.guardasmunicipais.com.br/images/stories/54171-315x24696.jpg





Nesta última quarta-feira (03), a Consultoria Público-Privado e Assessoria Municipal (CONSULPAM) divulgou o edital do concurso público para o preenchimento de 25 vagas no quadro funcional permanente da administração municipal. O concurso disponibilizará 10 vagas para Agente de Trânsito e 15 para Guarda Municipal. Para concorrer no concurso, o candidato deverá conter o ensino médio completo. O período de inscrições darão início nessa quinta-feira (05) e vai até o dia 30 de junho no Polo de Convivência Social Antônio Moreira Batista, que fica localizado na Rua Dr. João Pessoa, S/N ou no site da CONSULPAM (AQUI) responsável pela aplicação do certame, a taxa de inscrição é de R$ 80,00. As provas objetivas serão aplicadas no dia 10 de agosto do decorrente ano. Confira o edital AQUI.
com informações da CONSULPAM

MESMO EM OBRA,AEROPORTO DO CEARÁ É 'ADEQUADO' PARA COPA,DIZ MINISTRO.


Obras de ampliação não foram concluídas e 'puxadinho' foi instalado.
Infraero não tem data definida para conclusão das obras.

G1 CE
Apesar da lentidão, Infraero diz reforma estará pronta até a Copa do Mundo (Foto: Portal da Copa/Divulgação)
Infraero diz reforma não estará pronta até a Copa do Mundo (Foto: Portal da Copa/Divulgação)
“O aeroporto de Fortaleza está absolutamente adequado para receber bem os passageiros durante a Copa do Mundo 2014”. Essa foi a avaliação do Ministro Moreira Franco, da Secretaria da Avião Civil, durante visita de inspeção ao Aeroporto Internacional Pinto Martins, nesta quarta-feira (4). Além de Fortaleza, o ministro visitou outros aeroportos das cidades sede da Copa do Mundo. “Eu reasseguro o que tenho dito: a infraestrutura dos aeroportos está pronta e preparada para atender à demanda da Copa”, reafirmou o ministro.

CÂMARA APROVA PROJETO QUE REGULAMENTO CRIAÇÃO DE MUNICÍPIOS.


Proposta faz parte de acordo com o governo para resolver impasse em relação a veto da presidente Dilma Rousseff a outro projeto sobre o tema.
Gustavo Lima/Câmara dos Deputados
Votação do projeto que regulamenta a criação de municípios (PLP 397/14)
Plenário aprovou critérios como viabilidade financeira, população mínima e plebiscito sobre novos municípios.
O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (4) o Projeto de Lei Complementar (PLP) 397/14, do Senado, que regulamenta a criação de municípios. A proposta estabelece critérios como viabilidade financeira, população mínima e plebiscito de toda a população.
A matéria foi aprovada por 343 votos a 30 e 1 abstenção. O texto retornará ao Senado devido a mudanças feitas pelos deputados, que optaram pelosubstitutivo do deputado Moreira Mendes (PSD-RO).
O projeto foi apresentado pelo senador Mozarildo Cavalcante (PTB-RR) após um acordo com o governo para tornar mais rígida a criação de municípios e facilitar a fusão daqueles inviáveis financeiramente. A necessidade de acordo surgiu após o veto integral da presidente Dilma Rousseff a outro projeto (PLP 416/08) sobre o mesmo tema. Esse veto ainda precisa ser apreciado pelo Congresso.
De acordo com o texto aprovado pelos deputados, será proibida a criação, incorporação, fusão ou desmembramento se isso inviabilizar municípios preexistentes. Qualquer procedimento deve ser realizado entre a data de posse do prefeito e o último dia do ano anterior às eleições municipais seguintes. Se o tempo não for suficiente, apenas depois da posse do novo prefeito poderá ser dado prosseguimento ao processo.

SISU DO MEIO DO ANO ENCERRA PRAZO DE INSCRIÇÃO;RESULTADO SAI NESTA SETA-FEIRA DIA 06 DE JUNHO DE 2014.


Até as 19h desta quarta, sistema tinha 1.114.410 candidatos.
Primeira chamada para mais de 51 mil vagas sai nesta sexta-feira (6).

Do G1, em São Paulo
A segunda edição de 2014 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) encerrou suas inscrições na madrugada desta quinta-feira (5). O prazo para participar ia até as 23h59 de quarta (4). O resultado da primeira chamada será divulgado na sexta-feira (6).
Segundo balanço parcial divulgado pelo MEC, às 19h de quarta o sistema do Sisu registrava 1.114.410 candidatos inscritos.
Nesta edição, válida para o segundo semestre, serão oferecidas exatamente 51.412 vagas em 67 instituições. O Sisu é um processo seletivo que usa as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para selecionar estudantes em cursos de graduação de universidades federais e institutos tecnológicos de ensino superior. Para participar, é preciso ter feito o Enem em 2013 e obtido nota acima de zero na redação.
Cada candidato poderá escolher duas opções de vagas em qualquer instituição participante. Ao longo do período de inscrições o sistema on-line informará diariamente a nota de corte.
Estudantes já podem consultar as vagas no site do Sisu (Foto: Reprodução )Site do Sisu (Foto: Reprodução )
Cronograma
O resultado da primeira chamada do Sisu sairá nesta sexta-feira (6), e a matrícula poderá ser feita de 9 a 13 de junho. Já a lista dos classificados em segunda chamada será divulgada em 24 de junho. As matrículas para a segunda chamada vão de 27 de junho a 2 de julho.
A quantidade de vagas é 29% maior que o total oferecido em junho de 2013, segundo o ministro da Educação, Henrique Paim. Do total das vagas, 28.802 (56%) serão destinadas à ampla concorrência; 21.142 (41%) serão preenchidas por cotas e 1.468 (3%), por outras ações afirmativas do Ministério da Educação (MEC).
Das 67 instituições de ensino participantes (61 federais e seis estaduais), a Universidade Federal Fluminense (UFF) abriu a maior quantidade de vagas (4.259), seguida pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR, com 3.944), pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ, com 3.669) e pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA, com 3.108).
Desta edição, participarão quatro novas instituições: Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), Universidade Federal do Cariri (UFCA) e Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).
A maior quantidade de vagas está concentrada nos cursos de engenharia (8.707), pedagogia (1.368), administração (1.383) e ciências biológicas (1.377).
Paim disse que o aumento de vagas oferecidas pelo Sisu "confirma a expectativa que todos têm de credibilidade em torno desse processo de seleção unificada". "O estudante não precisa mais se deslocar para fazer mais de um processo seletivo. A partir do seu computador, ele tem acesso a 67 universidades", declarou o ministro durante entrevista coletiva em Brasília.
Veja as instituições participantes:
Acre: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (Ifac).
Alagoas: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Alagoas (Ifal), Universidade Federal de Alagoas (Ufal).
Amapá: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (Ifap).
Amazonas: Nenhuma instituição do estado participa desta edição do Sisu.
Bahia: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano), Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFRB), Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba).
Ceará: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Universidade Federal do Cariri (UFCA).

BEBÊS COM TRÊS PAIS SERÃO POSSÍVEIS A DAQUI DOIS ANOS,DIZEM CIENTISTAS.



Bebê sendo amamentado (Reuters)
Um em cada 6,5 mil bebês nasce com deficiência nas mitocôndrias, células que fornecem energia ao corpo
Cientistas britânicos dizem que, em mais dois anos, será possível que um bebê tenha o material genético de duas mães e um pai.
A técnica está sendo desenvolvida como uma forma de prevenir doenças fatais causadas por danos às mitocôndrias, células passadas da mãe para o bebê e que fornecem energia para o organismo.

Autoridades britânicas já estudam mudanças nas lei a fim de regulamentar as técnicas de fertilização para tornar esta prática legal. Esses especialistas dizem não haver evidências de que os dois métodos em estudo sejam inseguros, mas novos testes ainda devem ser feitos.Um em cada 6,5 mil bebês nasce com sérios problemas mitocondriais. Sem energia suficiente, eles apresentam musculatura fraca, cegueira e problemas cardíacos. Em alguns casos, a condição pode levar ao óbito.

Testes finais

Cientistas reunidos pela Autoridade em Embriologia e Fertilização Humana (HFEA, na sigla em inglês), do Reino Unido, avaliaram duas técnicas que usam o material genético de três pessoas - dos pai e mãe do bebê e de uma segunda mulher com mitocôndrias saudáveis.
"Tudo aponta que a direção que estamos seguindo é segura, mas não sabemos o que há depois da esquina. Por isso, somos cuidadosos", disse um dos cientistas convocados pela HFEA, Robin Lovell-Badge, do Conselho de Pesquisa Médica.

DESAFIOS DA TRANSPOSIÇÃO VÃO DA BUROCRACIA À PRESERVAÇÃO AMBIENTAL.



Em 2007, o governo federal lançou os editais de licitação para as obras da transposição do rio São Francisco, cujo prazo inicial para conclusão era 2010.
No ano seguinte, em 2008, as construtoras já estavam nos canteiros. Mas, por diversos motivos, a empreitada logo se mostrou mais complexa que o esperado, fazendo com o governo tivesse de renegociar todos os contratos, atrasando as obras – que até agora não terminaram.
Entre 2010 e 2011, uma das construtoras rompeu o contrato e abandonou o projeto. Para garantir sua continuidade, o governo teve de refazer o plano de gestão das obras, estabelecendo uma série de metas e estágios, o que levou às mudanças contratuais das demais empresas envolvidas.
Uma das razões admitidas pelo próprio governo para fazer essas mudanças foi que "as licitações iniciais foram todas realizadas em cima de projetos básicos", e não a partir de projetos executivos detalhados, segundo explicou Frederico Meira, Coordenador Geral de Acompanhamento e Fiscalização de Obras do Ministério da Integração Nacional.
Para Meira, os projetos básicos não eram suficientes, por não trazer detalhes do terreno, em especial o tipo de solo, fundamental na edificação civil.
"Isso fez com que na hora que se começasse a execução das obras, começassem também a haver diferenças e distorções entre o que estava quantificado e o que estava realmente sendo encontrado", disse.